0

Papa se reúne com líderes católicos dos EUA para debater abusos e ordena investigação de bispo

13 set 2018
11h07
  • separator
  • 0
  • comentários

O papa Francisco ordenou uma investigação sobre um bispo norte-americano acusado de má conduta sexual com adultos e aceitou a renúncia dele, comunicaram o Vaticano e autoridades católicas dos Estados Unidos nesta quinta-feira.

Papa Francisco recebe líderes católicos dos EUA no Vaticano 13/09/2018 Mídia do Vaticano/Divulgação via Reuters
Papa Francisco recebe líderes católicos dos EUA no Vaticano 13/09/2018 Mídia do Vaticano/Divulgação via Reuters
Foto: Reuters

O anúncio foi feito enquanto o papa se reunia com líderes da Igreja dos EUA para debater as consequências de um escândalo envolvendo um ex-cardeal norte-americano e exigências de um arcebispo para que o pontífice renuncie.

A Igreja Católica está sendo assolada em todo o mundo por crises ligadas ao abuso sexual de menores de idade. Pesquisas mostram uma queda brusca da confiança na instituição nos EUA, Chile, Austrália e Irlanda, os países onde o escândalo provocou mais estragos, e também em outros lugares.

O bispo que renunciou foi Michael J. Bransfield, de 75 anos, da diocese de Wheeling-Charleston, na Virgínia Ocidental. O Vaticano disse que o papa nomeou o arcebispo William Lori, de Baltimore, para comandar a diocese até um novo bispo ser indicado.

Nem o Vaticano nem a arquidiocese de Baltimore deram qualquer detalhe sobre as alegações específicas contra Bransfield. Não foi possível fazer contato nem com Bransfield nem com seu representante legal de imediato para obter comentários.

O site da arquidiocese de Baltimore informou que Francisco instruiu Lori a realizar uma investigação sobre as alegações de assédio sexual de Bransfield contra adultos.

"Minha preocupação principal é o cuidado e apoio dos padres e das pessoas da diocese de Wheeling-Charleston neste momento difícil", disse Lori em um comunicado.

"Também prometo conduzir uma investigação minuciosa em busca da verdade sobre as alegações perturbadoras contra o bispo Bransfield e trabalhar estreitamente com o clero, líderes religiosos e laicos da diocese até a indicação de um novo bispo".

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade