0

Itália prende líder mafioso que vivia no Brasil

Giuseppe Calvaruso retornara à Sicília para o feriado de Páscoa

5 abr 2021
08h08
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A polícia da Itália prendeu no último domingo (4) o líder de um clã mafioso que tinha fugido para o Brasil, mas que retornara ao país europeu para o feriado de Páscoa.

Imagem feita pela Arma dos Carabineiros mostra prisão de Giuseppe Calvaruso em Palermo, na Sicília
Imagem feita pela Arma dos Carabineiros mostra prisão de Giuseppe Calvaruso em Palermo, na Sicília
Foto: ANSA / Ansa - Brasil

Giuseppe Calvaruso, considerado o chefe do clã de Pagliarelli, foi detido em Palermo, na Sicília, após chegar do Brasil com um voo a partir de Natal e conexão em Paris, segundo o jornal La Repubblica. De acordo com a Arma dos Carabineiros, Calvaruso teria se tornado o "regente" do clã de Pagliarelli após a prisão do chefe Settimo Mineo, em dezembro de 2018.

Segundo os investigadores, o mafioso teria se mudado para o Brasil, delegando a aliados a gestão dos negócios das famílias subordinadas a ele. Seu plano seria voltar para o país sul-americano depois da Páscoa.

A polícia também prendeu outros quatro membros do clã: Giovanni Caruso, Silvestre Maniscalco, Francesco Paolo Bagnasco e Giovanni Spanò, todos eles acusados de associação mafiosa, extorsão, lesão pessoal, sequestro e ocultamento de bens.

Ainda de acordo com o inquérito, Calvaruso teria lavado dinheiro obtido com atividades mafiosas em restaurantes e no setor de construção civil. No entanto, para evitar a apreensão de bens, teria ocultado seus investimentos através de uma rede de laranjas.

Além disso, ele teria extorquido proprietários de imóveis em restauração a contratarem suas empresas de construção civil. O clã também dava autorização para a abertura de novos negócios em sua área de atuação e punia ladrões que roubavam sem permissão da máfia.

Veja também:

Como foi o casamento real de Elizabeth e Philip em 1947
Ansa - Brasil   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade