4 eventos ao vivo

Governo e oposição da Venezuela concordam em buscar recursos contra o coronavírus

3 jun 2020
09h30
atualizado às 09h42
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O governo da Venezuela assinou um acordo com a Assembleia Nacional liderada pela oposição para trabalhar com a filial regional da Organização Mundial da Saúde (OMS) para combater a pandemia do novo coronavírus, disse o ministro da Informação, Jorge Rodríguez, na terça-feira.

Pessoas fazem fila para receber comidade de entidade de caridade em Caracas
30/04/2020 REUTERS/Manaure Quintero
Pessoas fazem fila para receber comidade de entidade de caridade em Caracas 30/04/2020 REUTERS/Manaure Quintero
Foto: Reuters

O acordo de uma página foi assinado pelo ministro da Saúde, Carlos Alvarado, o doutor Julio Castro, que lidera a comissão de combate ao coronavírus da Assembleia Nacional e a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) no dia 1º de junho, disse Rodríguez.

As partes buscarão recursos para arcar com uma série de ações, como melhorar os exames, adquirir mais equipamento de proteção e lançar campanhas públicas de mensagens de saúde, entre outras, segundo o titular da Informação.

"A Covid-19 não respeita ou discrimina gênero, orientação ou partido político", disse Rodríguez na televisão estatal na noite de terça-feira. "Então esta é uma boa notícia, um bom começo, para que possamos aprofundar nosso trabalho juntos para combater a Covid-19."

A Covid-19 é a doença respiratória causada pelo novo coronavírus.

O Ministério da Saúde, o Ministério da Informação e Castro não responderam de imediato a pedidos de comentário.

O líder opositor Juan Guaidó disse em um comunicado anterior que a oposição assinou um acordo técnico com a Opas para lançar programas concentrados em equipamentos de proteção para o pessoal médico, a melhoria da detecção de exames e o tratamento de casos confirmados de Covid-19.

Veja também:

China responderá a sanções dos EUA
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade