PUBLICIDADE

Mundo

Forças israelenses atiram em 3 palestinos na Cisjordânia, diz exército

21 abr 2024 - 15h45
Compartilhar
Exibir comentários

Militares de Israel disseram que seus soldados abriram fogo contra três palestinos que os atacaram neste domingo na Cisjordânia ocupada, onde a violência aumentou nos últimos dias, e o Ministério da Saúde palestino disse que todos os três faleceram.

No primeiro incidente, num cruzamento perto da cidade palestiniana de Hebron, os militares israelenses afirmaram que as suas tropas foram alvejadas por um homem, enquanto outro tentou esfaqueá-los, antes de abrirem fogo contra ambos os indivíduos.

Um cinegrafista da Reuters viu um corpo no local do incidente. A agência de notícias estatal palestina WAFA informou que equipes de socorro foram impedidas de chegar ao local, de acordo com fontes locais. Os dois, de 18 e 19 anos, foram posteriormente confirmados como mortos.

No segundo incidente, num posto de controle mais a norte, na Cisjordânia, os militares disseram que uma mulher tentou esfaquear soldados, que depois responderam com tiros. Mais tarde, ela foi confirmada como morta pelas autoridades de saúde.

A violência na Cisjordânia, já em ascensão antes da guerra entre Israel e o Hamas em Gaza, aumentou desde então com frequentes ataques militares a grupos militantes, ataques violentos perpetrados por colonos judeus em aldeias palestinas e atentados palestinos em ruas.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade