PUBLICIDADE

Biden é pressionado a frear expulsão de haitianos; México detém imigrantes

21 set 2021 15h57
ver comentários
Publicidade

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, enfrentava pressões nesta terça-feira para frear a expulsão de postulantes a asilo do Haiti que estão em um campo na fronteira do Texas, e preocupações a respeito de sua segurança aumentaram a inquietação com imagens de autoridades a cavalo usando rédeas como chicotes contra imigrantes.

19/09/2021
REUTERS/Daniel Becerril
19/09/2021 REUTERS/Daniel Becerril
Foto: Reuters

Várias centenas deles foram enviados do campo em Del Rio, Texas, de volta ao Haiti desde domingo. Milhares mais foram detidos nos EUA para serem registrados, e mais voos devem partir nesta terça-feira, disse o secretário do Departamento de Segurança Interna, Alejandro Mayorkas.

Chuck Schumer, líder da Maioria do Senado dos EUA, pediu ao colega democrata Biden que suspenda de imediato as expulsões, reforçando apelos semelhantes de várias agências da Organização das Nações Unidas (ONU).

Schumer disse que mandar haitianos de volta para sua terra natal, onde um assassinato presidencial, a violência de gangues crescente e um grande terremoto semearam o caos nas últimas semanas, "desafia o bom senso".

"Também desafia a decência", disse, classificando imagens feitas em dias recentes de agentes de fronteira norte-americanos montados usando rédeas como chicotes como "completamente inaceitáveis".

"As imagens viram o estômago. Isso precisa parar."

Autoridades mexicanas também pareciam estar detendo alguns imigrantes, que cruzam de volta ao México com frequência para obter alimento. Uma testemunha da Reuters viu imigrantes que pareciam haitianos detidos nas ruas de Ciudad Acuna por agentes flanqueados pela Guarda Nacional.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade