0

Veja frases do debate entre candidatos à Presidência

26 ago 2014
22h32
atualizado em 27/8/2014 às 09h15
  • separator
  • comentários

Veja as principais frases dos candidatos à Presidência da República durante o debate promovido pelo TV Bandeirantes na noite desta terça-feira. Participam sete candidatos: Dilma Rousseff (PT), Marina Silva (PSB), Aécio Neves (PSDB), Luciana Genro (Psol), Pastor Everaldo (PSC), Eduardo Jorge (PV) e Levy Fidelix (PRTB).

candidatos se cumprimentam antes do início do primeiro debate entre candidatos à Presidência
candidatos se cumprimentam antes do início do primeiro debate entre candidatos à Presidência
Foto: Marcos Bezerra / Futura Press

"Não levarei (a proposta de controle social da mídia para frente), ficarei com a posição dela (de Dilma Rousseff)... acabou"
Eduardo Jorge, que após esta frase abdicou de usar o restante dos 45 segundos a que tinha direito

"Tanto no governo do PSDB quanto no do PT, cada um tem uma ameaça de apagão para chamar de seu"
Marina Silva, atacando a política energética dos governos do PT e PSDB

"Defendo o voto distrital misto como essencial. Defendo também o fim da reeleição e o cargo de cinco anos para o Executivo"
Aécio Neves, expondo suas propostas

"É estarrecedor que se considere o plebiscito popular bolivarianismo. Então a Califórnia é bolivarianista”
Dilma Rousseff, retrucando pergunta do jornalista José Paulo de Andrade, da Rádio Bandeirantes, que chamou a tentativa de plebiscito popular para a reforma política de bolivarianista

“Qualquer bandido entra na sua casa, rouba a sua casa e te estupra”
Levy Fidelix, comentando sobre a violência no País

"Se auditar a nossa dívida, colocar ela numa ressonância, ela vai ficar magrinha que nem você"
Eduardo Jorge, se dirigindo a Marina Silva

"Vou criar o Ministério da Segurança Pública. O cidadão de bem está preso em casa"
Pastor Everaldo, comentando sobre sua proposta para a área de segurança

"Se tu não tiveres coragem de enfrentar o capital financeiro, tu nunca farás a nova política”
Luciana Genro, criticando o lema de Marina Silva

"Quem responde por seus interesses privados são as pessoas citadas aqui pelo candidato"
Marina Silva, falando sobre a dívida com a Receita Federal da empresa de um de seus aliados

“Acredito que a legislação atual (sobre o aborto) deve ser mantida. É uma posição pessoal que tenho"
Aécio Neves, explicitando sua posição em relação à legislação referente ao aborto

"A legislação atual coloca as mulheres a sua própria sorte, tendo que ir em clínicas clandestinas que muitas vezes deixam sequelas físicas e psicológicas"
Eduardo Jorge, discordando de Aécio Neves na questão do aborto

"Me restou bombardear a dona Marina. Eu digo, politicamente"
Levy Fidelix, escolhendo o candidato que iria perguntar

"Me permita te chamar de Everaldo, porque eu não gosto de misturar política com religião, acho isso impróprio"
Luciana Genro, antes fazer pergunta para o Pastor Everaldo

"O sonho de consumo dos brasileiros é morar na propaganda do PT"
Aécio Neves, respondendo comentário de Dilma Rousseff

"Esse Brasil que a presidente Dilma acaba de mostrar, quase cinematográfico, não existe na vida das pessoas"
Marina Silva, em réplica à fala de Dilma Rousseff

"Enviamos uma proposta de reforma política para o Congresso. A reforma política no Brasil vai exigir a participação popular através de um plebiscito"
Dilma Rousseff, afirmando que fez um esforço para aprovar a reforma política

"O governo do PT surfou nas reformas que foram feitas no governo FHC"
Aécio Neves, defendendo o governo do e-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB)

"A verdade é que o governo do PSDB quebrou o Brasil três vezes"
Dilma Rousseff, respondendo a Aécio Neves

"No ano passado eu tive uma história com a violência. No dia 22 de abril meu irmão foi vítima de uma bala perdida, uma bala na cabeça, e morreu"
Pastor Everaldo, falando sobre a violência no País

"Eu fui expulsa pela turma do Zé Dirceu e companhia porque eu não me curvei ao partido"
Luciana Genro relatando porque teria saído do PT.

"Tráfico de drogas, tráfico de armas, não são responsabilidade dos Estados, são responsabilidade da União".
Aécio Neves falando sobre segurança pública

"Vamos combater o tráfico de drogas que vem da Bolivia, Paraguai, Venezuela, países muito amigos, muy hermanos do atual governo"
Levy Fidelix, também explicando sua proposta para a segurança pública

"Vamos poder esvaziar grande parte das penitenciárias"
Eduardo Jorge explicando sua proposta de legalização das drogas

Fonte: Terra
  • separator
  • comentários
publicidade