PUBLICIDADE

Último dia de campanha: Bolsonaro faz motociata em BH; Lula aposta em caminhada na Paulista

Candidatos apostam em mobilizações nos estados de São Paulo e Minas Gerais

29 out 2022 - 11h51
(atualizado às 12h06)
Compartilhar
Exibir comentários
Lula e Bolsonaro fazem últimos atos antes do segundo turno
Lula e Bolsonaro fazem últimos atos antes do segundo turno
Foto: Estadão Conteúco/Gabriel Bastos Mello/João Gama da Silva Neto

A campanha eleitoral de 2022 termina neste sábado, 29, e os candidatos à Presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL), aproveitam para um último "corpo a corpo" com os eleitores. No domingo, dia do segundo turno das eleições, são permitidas apenas manifestações individuais e silenciosas

O candidato à reeleição manteve o ato de praxe e realizou uma motociata, desta vez, em Belo Horizonte. Bolsonaro foi recebido pelo governador reeleito Romeu Zema (Novo), durante a manhã. Um comício está previsto para ser realizado na Praça da Liberdade.

Minas Gerais é considerado um estado importante para os candidatos à Presidência, entre outros motivos, por causa da sua posição geográfica. O Estado da região sudeste faz fronteira também com as regiões Centro-Oeste e Nordeste, que se dividem no apoio a Lula e Bolsonaro. 

Já Lula programa para o dia uma caminhada na Avenida Paulista, em São Paulo, junto com seu candidato a vice, Geraldo Alckmin (PSB), e Fernando Haddad (PT), candidato ao governo do Estado de São Paulo. A "caminhada da vitória", como anunciada pelo candidato, está prevista para as 16 horas.

Reta final

O segundo turno das eleições será neste domingo, dia 30. Nas últimas pesquisas eleitorais, Lula segue se liderando as intenções de voto

De acordo com a pesquisa do Ipec, divulgada na segunda-feira, dia 24, a projeção é de que o ex-presidente Lula fique com 54% dos votos válidos, enquanto o presidente Bolsonaro marca 46%. A margem de erro é de dois pontos porcentuais, para mais ou para menos. 

Já no Datafolha mais recente, divulgado nesta quinta-feira, dia 27, Lula aparece com 53% dos votos válidos e Bolsonaro com 47%. A margem de erro do levantamento também é de dois pontos.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade