PUBLICIDADE

PoderData: Lula 'herda' 18% dos eleitores que votaram em Bolsonaro

Transferência de voto de Haddad, então candidato do PT, a Bolsonaro é de 8%

16 mai 2022 09h32
| atualizado às 10h28
ver comentários
Publicidade
Lula e Jair Bolsonaro são candidatos competitivos para a eleição presidencial de 2022.
Lula e Jair Bolsonaro são candidatos competitivos para a eleição presidencial de 2022.
Foto: Antonio Cruz e Valter Campanato/Agência-Brasil / Estadão

Ao menos 18% dos eleitores que votaram em Jair Bolsonaro (PL) no segundo turno da eleição de 2018 agora vão votar no ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), mostra pesquisa PoderData divulgada nesta segunda-feira, 16.

O atual presidente, por sua vez, conquistou 8% dos eleitores que votaram no candidato do PT naquele ano, Fernando Haddad. Outros pré-candidatos também levam uma parte do eleitorado petista de 2018. Segundo a pesquisa, 4% agora quer votar em André Janones (Avante), 3% em Ciro Gomes (PDT), 1% em João Doria e também 1% em Leonardo Péricles (UP).

Já os eleitores que elegeram Bolsonaro em 2018 distribuíram seus votos em Ciro e Doria, com 4% cada, e Janones e Simone Tebet (MDB), com 2% cada, além de Lula.

Jair Bolsonaro perdeu 18% de seus eleitores que o escolheram no segundo turno de 2018 para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva Foto: Eraldo Peres/AP Photo

O mesmo recorte mostra que os petistas conseguiram segurar uma fatia maior de seus eleitores, já que 77% dos que escolheram Haddad no segundo turno de 2018 agora pretendem eleger Lula neste ano. Bolsonaro manteve a confiança de 61% do eleitorado.

Intenções de voto

No levantamento do PoderData, Lula permanece na liderança das intenções de voto para o primeiro turno, com 42%, dois pontos a mais que a pesquisa anterior, seguido de Bolsonaro, com 35%, que se manteve estável. Também pontuaram Ciro Gomes, com 5%, João Doria, com 4%, André Janones, que tem 3% e Simone Tebet, com 2% das intenções de voto.

Estadão
Publicidade
Publicidade