7 eventos ao vivo

Psicopedagoga analisa violência contra os professores

Regina Lima analisa o fenômeno da violência nas salas de aula contra professores e explica como cessar esse problema

11 jul 2019
21h10
  • separator
  • comentários

A violência na escola e em sala de aula, mais especificamente, tem sido muito intensa atualmente. Para a psicopedagoga Regina Lima esse sintoma ocorre porque, ocasionalmente, muitas crianças e jovens estão submetidos à fome e à violência, à briga e a desaprovação.

Foto: Pixabay / DINO

"Toda a sua frustração reverbera na escola, que por vezes grupos se encontram na mesma situação, evidenciando eventos de raiva de desajuste comportamental. O professor por sua vez fica sem estímulo e ao perceber esses sintomas ficam à mercê de situações inadequadas e desrespeitosas dos alunos", aponta Regina Lima.

A especialista ressalta, no entanto, que por maiores que sejam as habilidades e a visão de cidadania, caso não haja ações específicas, estímulos e encorajamento dificilmente esse fenômeno terá solução. "Uma forma eficaz de educação e de fortalecimento de valores, são ações realizadas que servem aos propósitos educativos e culturais; que todos os envolvidos devem contemplar", explica a psicopedagoga Regina Lima.

Ações voltadas para um espaço de construção social - Regina Lima orienta que os professores realizem uma etapa de concepção e características essenciais. Segundo ela, e uma pesquisa com a maioria dos alunos diante de situações nas quais seus valores são confrontados. "O resultado norteia o tipo e foco de intervenções que devem ser realizadas", indica a psicopedagoga.

A especialista revela ainda que essas atividades devem ser inseridas em todas as disciplinas, com temas diversificados, inerentes à disciplina, atuais e clássicos. "Assim como devem ser analisadas nos princípios de direitos e deveres e de cidadania", aconselha Regina Lima.

Por fim, a especialista lembra que os procedimentos e instrumentos também devem ser avaliados durante todo o ano letivo, sofrendo alterações quando necessário for.

Regina Lima - Professora e Especialista em Psicopedagogia e Altas Habilidades pela UERJ - Universidade Estadual do Rio de Janeiro. Trabalhou por mais de 40 anos como Coordenadora Educacional e Disciplinar lidando, ao longo desse período, diretamente com mais de 20.000 alunos. Liderou, por 12 anos um projeto que ajudou a educar crianças e adolescentes através de dinâmicas executadas em 24 disciplinas. É coautora do livro Inclusão Educacional - Pesquisa e Interfaces e associada à ABP - Associação Brasileira de Psicopedagogia.

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • comentários
publicidade