0

Negócios digitais: cresce a venda de infoprodutos

31 jan 2019
10h57
  • separator
  • 0
  • comentários

Aproximadamente 64% da população brasileira está conectada, segundo o IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística; e, com isso, o volume de negócios digitais cresce diariamente, transformando os hábitos dos consumidores. Seja produto físico ou conhecimento, o fato é que a tecnologia abriu portas para inúmeras oportunidades de negócios e formar novos empreendedores.

Foto: DINO / DINO

No mundo digital todo dia é uma oportunidade de se realizar um grande negócio. Os empreendedores possuem muita liberdade de criação, expressão e, por meio da internet, alcançam qualquer destino que almejarem. As expectativas de crescimento para o universo de e-commerce são positivas e, em 2019, as vendas online crescerão acima de dois dígitos, principalmente, porque nestes últimos anos, houve um surpreendente aprimoramento neste ramo de atividade, com as empresas investindo em melhorias nos processos de venda e logística.

De acordo com o CEO & Founder da TurboMKT - Plataforma de Negócios Online, Edson Moreira, a comercialização de infoprodutos cresceu absurdamente. São dicas e lições, e-books, videoaulas, apostilas, podcasts que, em configuração digital, agregam conhecimento a outras pessoas. "O nome de quem desenvolve um conteúdo é Produtor, e eles podem comercializar estes produtos por meio de um ambiente on-line no qual são oferecidos diversos tipos de suportes, inclusive a intermediação e a segurança do pagamento por parte de quem compra o produto. O número de vendas convertidos por aqueles que utilizam este tipo de plataforma é bem maior, e os ganhos são surpreendentes. A expectativa de cada produtor é sempre crescer em torno de 50% ao ano, e nós, como somos comissionados por essas vendas, esperamos crescer mais de 50% em 2019, com ampliação da sede, entrada de investimentos e contratação de funcionários. Apostamos e incentivamos o surgimento de novos produtores, com isso, acelera-se a economia nacional", explicou Moreira. A venda de infoprodutos é um mercado que gera, no mínimo, R$ 1 bilhão/ano.

A ABCOMM - Associação Brasileira de Comércio Eletrônico - divulgou que a interação do usuário também acontece pelos smartphones, sendo que a utilização de serviços mobile saltou de 22% para 29% em 2018, e a tendência é aumentar para os próximos anos. "A venda pela internet é mais cômoda e, portanto, pode acontecer a qualquer dia e hora. A partir do momento em que o produtor desenvolveu um material interessante, rico em informação e relevante para um público específico, haverá um trabalho de divulgação e busca por compradores em potencial", destacou Moreira. "Quando um produtor atinge seu público e a audiência correta, a tendência de converter em uma venda é grande, e para o consumidor da atualidade, não existe hora (e nem prazo) para isso. E ele consegue todo esse suporte por meio das plataformas de negócios online, a exemplo da TurboMKT".

Para obter sucesso neste caminho, o conteúdo tem que ter qualidade; somente assim será capaz de atrair leads e manter o interesse de compradores. As finalidades podem ser distintas (informação, entretenimento, educação etc.) e, segundo especialistas do mercado digital, videoaulas fazem mais sucesso, afinal, a aprendizagem é mais rápida e ter exemplos visuais facilita a absorção da informação.



Website:

https://www.turbomkt.com.br/
DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade