1 evento ao vivo

Conteúdo é a aposta da plataforma Mulheres do Imobiliário

15 jan 2020
13h45
  • separator
  • 0
  • comentários

O ano de 2020 chegou trazendo excelentes perspectivas para o mercado imobiliário. No início de janeiro, Santander elevou o percentual de financiamento de 80% para 90%, válido para imóveis novos e usados. Houve ainda a diminuição das taxas de juros pelas principais instituições bancárias e nova modalidade de correção de acordo com a inflação, como o IPCA, pela Caixa Econômica Federal, além do anúncio do 11ª unicórnio brasileiro, a Loft, que traz invocações para o modelo tradicional praticado até o momento.

Foto: Divulgação/iStock / DINO

E as boas notícias continuam. O movimento pela equidade e diversidade no setor disponibiliza uma plataforma com produção de conteúdo. A novidade está no site www.mulheresdoimobiliario.com.br, que traz textos escritos pelas próprias integrantes do grupo.

"Nosso objetivo é reconhecer o espaço que conquistamos até aqui, reforçando nosso papel e importância no setor, nos unindo em uma rede de apoio recíproca para propagar, apoiar e capacitar." É esta forma que a plataforma www.mulheresdoimobiliario.com.br recepciona aqueles que querem conhecer mais sobre o movimento nacional, que já realizou encontros presenciais no ano passado em São Paulo (agosto), Rio de Janeiro (outubro) e Curitiba (dezembro).

Agora, o grupo se prepara para realizar o quarto encontro presencial em Belo Horizonte, em 13 de fevereiro, com inscrições pelo próprio site.

O grupo, idealizado pela LinkedIn Top Voices 2019 Elisa Tawil, foi cofundado por ela, em conjunto com a carioca Renata Botelho e a curitibana Lia Meger.

Atualmente, ele reúne 340 mulheres que atuam em toda a cadeia produtiva do setor imobiliário, por meio de um grupo na plataforma Telegram.

Esta ação é parte do tripé que sustenta as ações do grupo, com a promoção do networking, o apoio e a capacitação das integrantes.

"Nosso objetivo é mostrar onde estão as mulheres do setor imobiliário. Elas existem, sim. O que fazemos aqui é dar espaço, voz e jogar uma luz sobre a necessidade de debatermos a equidade e diversidade também neste setor", conta a paulistana Elisa Tawil.

"O prêmio reforça que este é um trabalho mais que necessário neste momento, é urgente." Elisa ainda reforça: "Nosso desejo é que não precisemos mais deste grupo no longo prazo. Esta é uma ação afirmativa realizada para sanar um desequilíbrio que acontece, ainda, em muitos mercados".

O grupo está incubando o projeto do Banco de Talentos e Serviços, todos relacionados às mulheres do imobiliário. Uma forma de mostrar onde elas estão e do que são capazes.

Os conteúdos disponíveis na plataforma estão divididos em tendências, economia, produto, engenharia, jurídico e relacionamento com consumidor e podem ser acessados na aba Blog.

Serviço: www.mulheresdoimobiliario.com.br

4º Encontro Mulheres do Imobiliário - Belo Horizonte - 13 de fevereiro



Website: http://www.mulheresdoimobiliario.com.br

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade