0

Chinês é um dos cursos de idiomas com mais adesão nos últimos anos, entenda o crescimento

14 jan 2019
03h03
  • separator
  • comentários

O Instituto Confúcio na Unesp integra uma rede de mais de 600 Institutos Confúcio presentes em 120 países. Sua parceira chinesa é a Universidade de Hubei, na China, de onde vem a maior parte dos professores. Com dez anos de funcionamento, já atendeu mais de onze mil alunos.

Foto: DINO / DINO

Cada vez mais a China, sua cultura e língua estão presentes no dia a dia dos brasileiros. Já há alguns anos a China é a maior parceira comercial do Brasil. Além das relações de comércio, centenas de empresas chinesas têm se instalado no Brasil e aprofundado as relações com o mercado local. Também é crescente o número de empresas brasileiras que desenvolvem negócios com a China e se instalam por lá. Os governos dos dois países também trabalham conjuntamente em projetos de alto nível e o intercâmbio acadêmico tem se tornado cada vez mais intenso. Tudo isso gera uma demanda por profissionais, oficiais de governo e estudantes brasileiros que compreendam a língua e a cultura chinesa, missão à qual se dedica o Instituto Confúcio na Unesp.

Além do ensino da língua, o Instituto Confúcio na Unesp empenha-se na busca por oportunidades de trabalho para seus alunos. Somente nas duas últimas Feiras de Recrutamento para Empresas Chinesas, realizadas pelo Instituto Confúcio na Unesp em parceria com a Associação das Empresas Chinesas no Brasil, já foram contratadas mais de 180 pessoas para ocuparem posições de todos os níveis nas empresas chinesas instaladas no Brasil.

O Instituto Confúcio na Unesp não tem fins lucrativos e é aberto a todos os interessados. É cobrada uma taxa de cinco parcelas de R$ 140,00 por módulo semestral de 50 horas para a manutenção das atividades. São oferecidos descontos progressivos aos alunos que indicam amigos que também se matriculem. O curso é totalmente gratuito para estudantes das escolas públicas.

As aulas têm início em 15 de fevereiro de 2019.

Intercâmbio
O Instituto Confúcio na Unesp também oferece programas de intercâmbio estudantil na China com bolsas de estudos. Os programas são de três semanas, seis meses, um ano e dois anos. Dependendo da modalidade do programa, as bolsas oferecidas pelo Instituto Confúcio cobrem mensalidades, despesas de moradia, ajuda de custo e passagens aéreas. Para participar dos programas de intercâmbio é necessário que o aluno esteja regularmente matriculado nos cursos de língua chinesa do Instituto e atenda as exigências específicas para cada tipo de bolsa.



Website: http://www.institutoconfucio.unesp.br

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade