0

Quarta-feira de alerta para temporais no Rio Grande do Sul

Áreas de instabilidade avançam mais sobre o Sul do Brasil e provocam chuva nos três estados

11 ago 2020
16h23
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Com o deslocamento de uma frente fria por alto mar e uma mudança na circulação dos ventos, novas áreas de instabilidade vão se formar sobre o Sul do Brasil nesta quarta-feira (12). A situação é de alerta para temporais e chuva volumosa, que podem ocorrer a qualquer hora, em todo o centro-norte gaúcho, inclusive em Porto Alegre. 

Além das pancadas de chuva, a quarta-feira também será de risco para fortes rajadas de vento, que podem chegar a 70km/h principalmente em áreas do Rio Grande do Sul e da serra catarinense. No litoral dos dois estados, o mar fica bastante agitado.

O predomínio também será de céu nublado, com poucos períodos de sol, no estado de Santa Catarina, no sul e oeste do Paraná e em áreas centrais do Rio Grande do Sul, como a região de Santa Maria. Nesses locais, a expectativa é de chuva em vários momentos, mas apenas com fraca a moderada intensidade. No extremo sul gaúcho, apesar do excesso de nuvens, não há previsão de chuva.

Em Curitiba, a quarta-feira será nublada e com possibilidade de chuviscos no período da noite. Na região de Guarapuava e em Campo Mourão, o sol aparece entre muitas nuvens o dia todo, mas não chove. Em Londrina e nas demais áreas do extremo norte paranaense, o tempo permanece firme. 

Foto: Climatempo

Semana instável

A semana continua com tempo instável em praticamente todo o Sul do Brasil devido à circulação dos ventos, que colaboram para a formação de nuvens carregadas, e ao avanço de uma nova frente fria. Até pelo menos sábado (15), altos volumes deverão ser acumulados nos três estados.

No domingo (16), a entrada de uma forte massa de ar frio de origem polar vai derrubar as temperaturas na Região e provocar geada no Rio Grande do Sul.

Veja também:

Previsão Brasil - Massa de ar frio avança sobre o centro-sul do país
Climatempo
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade