0

Fim de semana de chuva em Mato Grosso do Sul

Todo o Centro-Oeste pode ter mais temporais

12 jan 2018
17h16
  • separator
  • comentários

O ar quente e úmido ainda predomina sobre o Centro-Oeste do Brasil neste sábado, o que irá favorecer a formação de nuvens carregadas por toda a Região. Em Mato Grosso e em Mato Grosso do Sul, a chuva deve ser mais frequente do que em Goiás e no Distrito Federal, isso porque um sistema de baixa pressão atmosférica que atua entre o Paraguai e o norte da Argentina, deve contribuir para a formação de mais áreas de instabilidade.

Nas áreas mais ao norte de Mato Grosso até devem ocorrer períodos de sol, mas pode chover várias vezes ao longo do dia. Nas outras regiões, incluindo a capital Cuiabá, o sol aparece durante o dia e as pancadas de chuva ocorrem durante à tarde e à noite, podendo ser de moderada a forte intensidade.

No norte de Mato Grosso do Sul , em áreas próximas da divisa com Mato Grosso e Goiás, o sol aparece entre muita nebulosidade e as pancadas de chuva devem ocorrer à tarde e à noite. Nas demais regiões, incluindo a capital Campo Grande, o sol também aparece, mas pode chover já pela manhã . As pancadas de chuva devem retornar à tarde e à noite com maior intensidade.

Em Goiás e no Distrito Federal o sol aparece durante o dia e as pancadas de chuva retornam a partir da tarde, também com risco de chuva forte.

Domingo

No domingo, a circulação de ventos sobre o Brasil colabora para a formação de mais áreas de instabilidade sobre o Centro-Oeste. O ar continua quente e úmido também ajuda no crescimento das nuvens carregadas. Por quase toda a Região a previsão é de sol entre muitas nuvens e pancadas de chuva a qualquer hora do dia.

No oeste de Mato Grosso do Sul, o sol aparece entre muita nebulosidade e as pancadas de chuva devem ocorrer à tarde e à noite. Nas outras áreas do estado, o dia também será de muitas nuvens e algumas aberturas de sol, mas há risco de chuva a qualquer hora. Há risco de raios e chuva forte .

Foto: Climatempo
Foto de Gabriel Henrique - Campo Grande, MS

Colaborou neste texto a estagiária Amanda Sampaio.

Climatempo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade