0

Virada Sustentável: Avenida Paulista recebe poesias e performance com reflexões

Intervenções "Sou Caminho" e "Poética Paulista" poderão ser vistas até o próximo dia 27; Virada tem atrações presenciais e online

24 set 2020
17h12
atualizado em 25/9/2020 às 14h58
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Poesias e performances com reflexões sobre um mundo mais sustentável são as atrações da Virada Sustentável que vão chegar à Avenida Paulista a partir desta quinta-feira, 24. Até o próximo dia 27, será possível acompanhar as intervenções "Sou Caminho" e "Poética Paulista". O Estadão é o portal oficial da Virada Sustentável 2020, que neste ano completa dez anos.

Em três semáforos da avenida, será exibida a performance "Sou Caminho" que faz questionamentos a motoristas e pedestres em três atos: "Altere seu Caminho: Você seria capaz de mudar o seu caminho para alterar a nossa história?", "Em Que Rio Você Mora: Você foi levado a seguir esse caminho ou foi uma escolha?" e "Plante: Enquanto você está em pausa, que caminho novo você pode trilhar?".

Coordenadora da equipe de curadoria e programação da Virada Sustentável, Débora Ribeiro diz que os artistas vão levar faixas e objetos para o local e que a atração é interativa. "São três intervenções diferentes. Dependendo do fluxo, o carro pode pegar a história nos três faróis. Cada intervenção tem uma pergunta para o público fazer uma reflexão e os motoristas podem ligar a seta ou o pisca-alerta para interagir. Os pedestres também podem fazer alguma ação."

A intervenção pode ser vista das 9h30 às 11h e 16h30 às 18h nos cruzamentos da Paulista com as ruas Augusta, Pamplona e Maria Figueiredo. A avenida também vai receber a performance "Poética Paulista" com cinco performers que vão andar pelo local com um equipamento de som emitindo poesias. As exibições serão das 11h30 às 13h e das 14h30 às 16h.

"Eles vão usar um macacão que vai ter a frase que inspirou a poesia. As poesias foram feitas por poetas contemporâneos e, na performance, também tem um grande livro, que tem a ver com sabedoria."

Virada Sustentável

A décima edição da Virada Sustentável foi reformulada por causa da pandemia do novo coronavírus e, neste ano, traz atrações presenciais que não causam aglomerações e eventos online.

O evento começou em 16 de setembro e poderá ser acompanhado até o dia 18 de outubro.

Serviço

Virada Sustentável

De 16/9 a 18/10

Destaques do evento

Cem Minas na Rua

Durante quatro dias, 22 artistas vão grafitar um muro de 150 metros. Além de diferentes estilos, a curadoria selecionou artistas negras, mães, trans e moradoras da periferia

Quando: De 1 a 04/10

Onde: Rua Doutor Adelino Chaves, Lapa

Carreata Poética

Com um carro de som, serão recitados trechos do livro Quarto de Despejo, de Carolina Maria de Jesus. A atração contará com a participação de nove poetas do Grajaú, na zona sul da capital, e da filha da autora

Quando: 3/10, das 13 às 15 horas

Onde: Do Centro Cultural Grajaú até o Museu de Arte de São Paulo (Masp)

Jaguar Parade, Eu Era Outra Selva e FlorestAR_devir floresta :: A vida é uma Utopia

O Minhocão vai receber três intervenções artísticas. A Jaguar Parade destaca a importância da onça pintada. Já Eu Era Outra Selva reproduz a sensação de estar na floresta por meio de 200 guarda-sóis estampados. A proposta de FlorestAR_devir floresta :: A vida é uma Utopia é levar os sons da floresta para o local

Quando: De 17 a 18/10

Onde: Minhocão

Online

Elza Soares

A cantora Elza Soares vai falar sobre a existência e a resistência da mulher negra

Quando: 30/9, das 18 às 19 horas

Veja também:

As mortes sem holofotes de quem luta pelo meio ambiente no Brasil e no mundo
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade