PUBLICIDADE

Deputado é retirado da CPI acusado de intimidar senadores

Randolfe Rodrigues diz que vai acionar o presidente da Câmara, Arthur Lira, para alertar que nenhum parlamentar pode tumultuar a comissão

4 ago 2021 13h16
| atualizado às 14h48
ver comentários
Publicidade
Deputado federal Reinhold Stephanes Junior é retirado da sala
Deputado federal Reinhold Stephanes Junior é retirado da sala
Foto: Pedro França / Agência Senado

O deputado Reinhold Stephanes Junior (PSD-RR) foi retirado da sala da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid após ordem do vice-presidente do colegiado, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que presidia a reunião desta quarta-feira, 4.

Stephanes foi acusado de tumultuar a sessão e intimidar os senadores após ser flagrado filmando a reunião e criticando a CPI.

Randolfe determinou que a Polícia do Senado retirasse o deputado da sala. Em seguida, afirmou que vai acionar o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), para alertar que nenhum parlamentar pode intimidar a CPI da Covid.

O vice-presidente da comissão deixou claro que o acesso a deputados é permitido, mas não para tumultuar os trabalhos.

De acordo com Randolfe, Reinhold Stephanes Junior, aliado do presidente Jair Bolsonaro, poderá ser acionado no Conselho de Ética da Câmara após o ocorrido.

Estadão
Publicidade
Publicidade