PUBLICIDADE

Cidades

Adolescente é apreendida após matar irmã de 8 anos com golpes de faca e alegar 'surto'

Caso aconteceu em Santarém, no Pará; a adolescente foi encaminhada à Fundação de Atendimento Socioeducativo (Fasepa)

30 nov 2023 - 19h10
(atualizado às 23h22)
Compartilhar
Exibir comentários
Adolescente é apreendida após confessar que matou irmã no Pará
Adolescente é apreendida após confessar que matou irmã no Pará
Foto: Reprodução/Redes Sociais/O Impacto

Uma adolescente de 14 anos foi apreendida após confessar ter matado a irmã mais nova, de 8 anos, com golpes de faca em Santarém (PA). O Terra apurou que a jovem disse à Polícia Civil que teve um 'surto psicótico' na ocasião. Ela foi encaminhada à Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa) nesta quinta-feira, 30.

O crime aconteceu na manhã da última terça-feira, 28, na casa onde a adolescente morava com a irmã, a mãe e a madrasta no bairro Maracanã. A mãe afirmou que só soube do crime quando chegou em casa do trabalho, no período da tarde. 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionado, mas a criança já estava sem vida. Segundo o registro na ocorrência, as equipes médicas apontam que os ferimentos, incluindo um corte na região do pescoço, indicavam que a menina tinha falecido havia algumas horas. 

A adolescente declarou, inicialmente, que dois homens tinham entrado na casa, cometido o homicídio e levado a jovem à comunidade Pajussara. O pai delas também foi levado à delegacia para prestar depoimento, mas a polícia descartou sua participação. 

Horas depois, a jovem confessou ter matado a irmã após um 'surto psicótico'. Ela afirmou que as duas brincavam juntas e que atacou a irmã mais nova com uma faca após a criança dormir. As duas estavam sozinhas em casa na ocasião.  

Na manhã desta quinta-feira, a Justiça autorizou a transferência da adolescente para a Fasepa de Belém, capital paraense, após sua apresentação ao Ministério Público e o registro do ato infracional análogo a homicídio, segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado. 

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade