PUBLICIDADE

Brasil registra 2.656 novas mortes por covid-19

O país já superou a marca de 406 mil óbitos desde o início da pandemia

1 mai 2021
18h35 atualizado às 20h35
0comentários
18h35 atualizado às 20h35
Publicidade

O Brasil registrou neste sábado (1º) 2.656 novos óbitos em decorrência da covid-19, o que eleva o total de vítimas fatais da doença no país a 406.437, informou o Ministério da Saúde. Segundo os dados da pasta, também foram notificados 66.964 novos casos de coronavírus, com o total de infecções confirmadas no país alcançando 14.725.975 desde o início da pandemia, em março de 2020.

Esta semana, o Brasil se tornou o segundo país, depois dos Estados Unidos, a ultrapassar a marca de 400 mil mortes causadas pela covid-19, apesar de uma desaceleração nos registros de novos casos e óbitos diários. Os números, no entanto, estão estabilizados em valores ainda muito altos, com mais de 2 mil mortes por dia há vários meses.

Estado brasileiro mais afetado pela covid-19, São Paulo atingiu neste sábado 2.918.044 casos e 96.941mortes. Minas Gerais é o segundo Estado com maior número de infecções pelo coronavírus registradas, com 1.366.602 casos, mas o Rio de Janeiro é o segundo com mais óbitos contabilizados, 44.619.

Enterro de vítima da Covid-19 no cemitério da Vila Formosa, em São Paulo (SP) 
23/03/2021
REUTERS/Amanda Perobelli
Enterro de vítima da Covid-19 no cemitério da Vila Formosa, em São Paulo (SP) 23/03/2021 REUTERS/Amanda Perobelli
Foto: Reuters

Consórcio da imprensa

O Brasil registrou 2.278 novas mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas, segundo dados reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa. A média móvel de óbitos, que leva em consideração os registros dos últimos sete dias, ficou em 2.422 neste sábado (1º).  Com os dados deste sábado, o Brasil chegou a um total de 406.565 vítimas do novo coronavírus desde o início da pandemia.

O balanço mostra ainda 59.528 novos casos confirmados, fazendo o total de diagnósticos chegar a 14.725.490. Os dados têm mostrado tendência de redução ao longo da última semana, mas o País ainda vê a doença em um alto patamar. 

Com informações do Estadão Conteúdo.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade