PUBLICIDADE

Saiba a mensagem que Rita Lee deixou para os jovens LGBTQIA+

A segunda parte da autobiografia da cantora traz recado para a comunidade

25 mai 2023 - 10h53
(atualizado às 11h02)
Compartilhar
Exibir comentários
Rita Lee e Roberto de Carvalho em 23 de setembro de 1987
Rita Lee e Roberto de Carvalho em 23 de setembro de 1987
Foto: Sergio Amaral/Estadão / Estadão

Apesar de ter nos deixado em 9 de maio, Rita Lee não deixou os fãs desamparados. Em seu segundo livro, Rita Lee - Outra Autobiografia, a cantora escreveu sobre aos jovens LGBTQIA+.

"Dá vontade de pegar todos no colo e cantar baixinho no ouvido deles: 'Você não está só, é só um nó que precisa ser desfeito'”, escreveu Rita.

“Volta e meia recebo cartinhas de fãs, e alguns são bem jovens. (…) Um dia desses, um menino, rejeitado pela família por ser gay, me disse que pensou até em desistir da vida, mas que ao ouvir minhas músicas decidiu ficar.”

Foto: Globo Livros / Globo Livros

Rita escreveu sobre o quão difícil é ser jovem hoje em dia, com tanta competição, imposições, uma superpopulação e escolhas difíceis a serem feitas.

“Queria dar beijinhos e carinhos sem ter fim nessa moçada e dizer a ela que a barra é pesada mesmo, mas que a juventude está a seu favor e, de repente, a maré de tempestade muda.”

O livro foi lançado em 22/05, dia de Santa Rita de Cássia, padroeira das causas impossíveis e data do segundo aniversário, escolhida pela própria cantora. 

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade