PUBLICIDADE

Quatro times brasileiros estarão no Major de CS:GO

Brasil é país com maior número de equipes classificadas

8 out 2021 13h19
| atualizado às 13h41
ver comentários
Publicidade
Foto: GODSENT / Reprodução

Se nos esportes tradicionais o Brasil é considerado o país do futebol, nos esportes eletrônicos o mesmo vale para o Counter-Strike: Global Offensive. Com os torneios classificatórios para o major chegando ao fim, quatro equipes brasileiras garantiram sua presença no PGL Major Stockholm 2021

O número de representantes é o maior da história do país em torneios major da modalidade. Além disso, no evento de 2021 o Brasil é o país com o maior número de organizações presentes. São elas:

  • FURIA
  • GODSENT
  • paiN Gaming
  • Sharks

Na noite da última quinta-feira (7) a IEM Fall North America recebeu as últimas partidas da fase de grupos, com a paiN Gaming e GODSENT garantindo suas vagas e se juntando à FURIA e Sharks na disputa do torneio mais badalado da modalidade. Aliás, a FURIA, mesmo já classificada, conseguiu um resultado positivo que garante ao time um status Legends. Com isso, a equipe entra diretamente na segunda fase do PGL Major. Já a Sharks havia garantido sua vaga nos torneios classificatórios da América do Sul.

Aliás, a quinta-feira desta semana foi Brasil sem a menor dúvida. Isso porque a paiN Gaming fez o seu dever de casa para se manter na briga pela vaga, mas, graças à Liquid, de Gabriel "FalleN" Toledo, a presença no major foi garantida. Isso porque a equipe de FalleN bateu a Extra Salt, que disputaria com a paiN a presença no major.

 

 

Já a GODSENT só precisava de si mesma para se garantir no major. A equipe liderada por Epitácio "TACO" de Melo bateu a Triumph por 16x11 e garantiu a nona participação de TACO em majors de CS:GO.

 

 

Quem infelizmente ficou pelo caminho foi a 00Nation dos gêmeos Henrique "HEN1" Teles e Lucas "LUCAS1" Teles e a Team One, de Pedro "Maluk3" Campos. A situação da 00Nation ao início do torneio era relativamente tranquila, uma vez que a equipe precisava conseguir qualquer pontuação para se classificar, mas amargou 5 derrotas no evento.

Já a Team One não possuía nenhuma pontuação no ranking classificatório e precisava de uma boa atuação no campeonato, além de torcer pelo revés de determinadas equipes. Vale ressaltar que a equipe chegou até a última rodada com chances de classificação, mas não conseguiu.

O PGL Major Stockholm começa no dia 26 de outubro e contará com uma premiação total de US$ 2 milhões, a maior de toda a história de torneios major de CS:GO. 

Fonte: Game On
Publicidade
Publicidade