PUBLICIDADE

Crítica: Ato III de Arcane é o melhor da série

Últimos episódios da série inspirada em League of Legends fecham a primeira temporada com chave de ouro.

22 nov 2021 12h57
ver comentários
Publicidade
Foto: Netflix/Reprodução

Três semanas após a estreia na Netflix, Arcane finalmente chegou ao fim de sua primeira temporada. O tão aguardado Ato III trouxe os últimos episódios que, adiantando desde já, surpreenderam bastante.

Com quase 2 horas de duração, os três episódios de encerramento trouxeram algumas respostas, mas também várias perguntas, especialmente quanto ao futuro dos personagens que temos acompanhado veementemente. A seguir, você confere a nossa análise do último Ato e como ele se tornou o melhor da série.

Vale lembrar que teremos muitos spoilers!

Ato III de Arcane: um novo aliado

Foto: Netflix/Reprodução

A primeira cena do início do Ato III de Arcane confirmou uma teoria que muitos fãs estavam discutindo nas redes sociais: Ekko é realmente um integrante dos Fogolumes. Após os acontecimentos finais do Ato II, em que Caitlyn e Vi são capturadas pela gangue no momento de encontro com Jinx, o jovem personagem se revela para Vi como o líder do que, até aquele momento, era conhecido como um movimento perigoso tanto para Silco quanto para Piltover.

Ekko está exatamente como no jogo de League of Legends, com o design impecável. Essa adição à narrativa trouxe mais uma dinâmica interessante, uma vez que os propósitos dos Fogolumes passam a entrar em acordo aos interesses de Vi. Libertadas as prisioneiras, Ekko apresenta um local mágico criado ao redor de uma grande árvore, onde pessoas vivem escondidas dos perigos de Zaun. O mote do pequeno grupo é garantir paz aos que mais necessitam. Caitlyn sugere a Ekko, que pegou a Gema Hextec de Jinx, que a devolva para a superfície em um ato de tentar apaziguar as coisas. Afinal, Silco é o mandante por trás de tudo.

O trio parte para a ponte de Piltover, onde um esquadrão de Defensores os esperam. A princípio, tudo está pacífico, mas logo a situação muda. Uma nuvem de fogolumes (insetos voadores que inspirou o nome ao grupo de Ekko) explode e aniquila quase todos os presentes. Jinx vem das sombras e um dos momentos mais icônicos da série acontece: a batalha entre ela e Ekko. As cenas são de tirar o fôlego!

Foto: Netflix/Reprodução

Jinx se sente traída por Vi se preocupar com o bem-estar de Caitlyn, uma Defensora de Piltover, e teme pelo abandono mais uma vez. Vi retira Caitlyn do campo de batalha enquanto ela acontece. Jinx usa uma bomba fatal contra Ekko, que não resistiria às consequências, mas o próprio usou seu poder mais conhecido no game de LoL, a volta ao tempo. Vimos um momento em que seu relógio está em contagem regressiva. No segundo episódio, descobrimos que, de fato, isso ajudou o jovem a sobreviver.

Já no Conselho, onde tudo está um caos, Viktor começa a se envolver fortemente com o seu Núcleo Hex após aceitar uma dose de Cintila de Singed. Isso torna o cientista capaz de começar a andar normalmente e prolongar sua vida, mas está cada vez mais saindo de seu controle. Em uma jogada extrema, Jayce sugere aos outros conselheiros que armas sejam produzidas para combater a ameaça de Zaun. Mel Medarda diz que a situação pode ocasionar uma grande guerra.

O momento de Mel Medarda brilhar

Foto: Netflix/Reprodução

Talvez você tenha visto nas redes sociais, principalmente no Twitter, algumas teorias conspiratórias a respeito de Mel. Após a líder pintar um quadro do porto de Noxus, terra conhecida pelo seu mal, muitos acreditaram que a personagem poderia ser LeBlanc disfarçada. LeBlanc, conhecida em League of Legends, é uma feiticeira que pode tomar a forma de qualquer um e estar em vários locais ao mesmo tempo.

Acontece que o episódio 8 não só desmentiu essa teoria como entregou os holofotes inteiros para o desenvolvimento da personagem. Ambessa, mãe de Mel, chega de Noxus em Piltover com interesse na tecnologia de Jayce para uso em combate. A série, então, resolve focar bastante no passado conturbado das duas, no qual Ambessa sempre preferiu usar violência. Como espectador, foi muito interessante acompanhar esse outro lado de Mel. Durante todo o episódio, as duas entram em conflito por acreditarem em propósitos diferentes.

Enquanto isso, Caitlyn reencontra seus pais ao lado de Vi, que está a salvo do acontecimento na ponte. Ela pede para sua mãe, uma das conselheiras, que a ajude a discursar no Conselho a respeito dos planos de Silco em acabar com a superfície. A audição acontece, mas Caitlyn não é ouvida. Os planos da Corte são negociar com Silco para proteger Piltover, mesmo que isso custe muito à cidade.

Foto: Netflix/Reprodução

Mais tarde, Viktor acaba cometendo um grave erro. Em um de seus momentos com o Núcleo Hex, Sky, outra jovem cientista, o flagra sendo sugado pela energia da matéria e tenta salvá-lo. Em vez disso, ela acaba literalmente evaporando.

Vi encontra Jayce e o convence a resolver a situação com as próprias mãos. O Conselheiro agora possui o seu icônico martelo energizado e logo o usará em combate. Os dois descem para Zaun e são atacados por criaturas esquisitas. A situação sai do controle e Jayce acaba eliminando uma criança que estava à parte. Essa criança é ninguém menos do que filho de uma integrante dos líderes comerciais, que tem relação direta com Silco.

Foto: Netflix/Reprodução

Heimerdinger também retorna nesse episódio. Sem casa e rejeitado, o cientista encontra Ekko ferido, que o leva para a sede dos Fogolumes. Uma bela amizade surge e isso dá margem para muitos acontecimentos futuros. Por fim, após ser resgatada gravemente ferida na noite anterior por Silco, Jinx recebe Cintila de Singed, surta e rapta Cailtyn na superfície.

O final aberto de Arcane

Foto: Netflix/Reprodução

Todos esses acontecimentos desencadeiam um episódio final intrigante e de ótima qualidade. Jayce finalmente se encontra com Silco e oferece a independência de Zaun, mas para isso ele precisaria entregar Jinx às autoridades. Silco permanece relutante, já que possui ligação emocional forte com a personagem. 

Enquanto isso, Vi reencontra sua inimiga de longa data, capanga de Silco, em um bar, e trava mais uma batalha cheia de ação. As duas acabam esgotadas, mas Vi é raptada novamente, só que dessa vez por Jinx. A sequência final acontece e ela é extremamente importante para o futuro de Arcane.

Jinx reúne Vi, Caitlyn e Silco em uma mesa onde discutem diversos tópicos. Jinx não sabe em quem confiar e o que fazer. Enquanto deseja se reconectar com sua irmã, ela está ao lado de Caitlyn, alguém da superfície e, portanto, sua inimiga. Em um momento bruto e impulsivo, Jinx e Caitlyn disparam armas e Silco é atingido e morto.

A última cena do Ato III de Arcane é um deleite visual. Jinx caminha lentamente para um morro e disparada uma arma energizada com magia Hextec, a sua icônica “fishbones”, que possui formato de tubarão. O disparo é tão forte que tudo em volta se ilumina e o projétil vai muito longe. O seu alvo é o prédio do Conselho, onde todos os integrantes estão em uma reunião. Mel está de costas para o projétil, mas o episódio acaba antes da explosão.

Foto: Netflix/Reprodução

Nesse meio tempo, algumas imagens são mostradas para o público. Momentos de Ambessa, Heimerdinger e Ekko juntos, Vi e Caitlyn se soltando das amarras e, principalmente, um momento muito interessante, em que garras de um monstro aparecem seguidas de Singed, que segura em sua mão um cordão com uma imagem. 

Singed havia afirmado no início do último episódio que já teve uma filha, mas não explicou seu destino. A imagem que ele guarda é muito similar com Orianna, outra personagem de LoL. Na história do jogo, a personagem sofreu um grave acidente que lhe custou o corpo, transferido para um robô.

Como deu para perceber, esse final de Arcane foi extremamente aberto, mas também muito grandioso. Com isso, a série é oficialmente uma das melhores produções animadas disponíveis na Netflix

E os fãs já receberam notícia boa: a segunda temporada já está em produção e deve estrear em 2023. O que não falta é história: a relação de Noxus com Piltover, o passado de Singed, o futuro de Vitkor e se há feridos pelo disparo de Jinx, afinal. Tudo que podemos fazer agora é aguardar, teorizar e reassistir Arcane mais vezes.

Fonte: Game On
Publicidade
Publicidade