Automobilismo

Lewis Hamilton quebra mais um recorde pessoal no GP do Canadá

7 jun 2024 - 18h56
Compartilhar

Mesmo com os carros da Mercedes estando abaixo dos rivais, Lewis Hamilton vai quebrar mais um recorde na sua carreira no GP do Canadá de Fórmula 1. O piloto heptacampeão mundial se tornará o piloto britânico de maior longevidade na F1 entre compatriotas, ultrapassando o ex-piloto e campeão em 2009, Jenson Button.

Um outro fato interessante na carreira de Hamilton, com relação ao GP do Canadá, é que foi neste GP que ele conquistou sua primeira vitória na categoria, em 2007, na época com apenas 22 anos e 6 corridas disputadas.

A Inglaterra tem forte tradição na F1. Além de Hamilton e Button, outros pilotos figuram entre os cinco pilotos que mais tempo permaneceram na categoria: Graham Hill (16 anos), Nigel Mansell (14 anos) e David Coulthard (14 anos). Atualmente, o grid conta com outros dois britânicos: George Russell, companheiro de Hamilton, e Lando Norris da McLaren, ambos estreantes em 2019 e com uma vitória cada nesta temporada.

Em 2025 Hamilton irá se juntar a Ferrari, enquanto Russel continua na Mercedes e Norris na McLaren.

Assista ao vídeo com comentário de Charley Gima.

Homework Homework
Publicidade
Publicidade