PUBLICIDADE

Tênis

Bia Haddad vence russa de 16 anos e avança pela 1ª vez para terceira rodada do Aberto da Austrália

Brasileira fez por 2 sets a 0 contra Alina Korneeva, com parciais de 6/1 e 6/2, em 1h e 20 minutos

17 jan 2024 - 04h34
(atualizado às 07h43)
Compartilhar
Exibir comentários
Beatriz Haddad Maia avança para a terceira fase do Australian Open
Beatriz Haddad Maia avança para a terceira fase do Australian Open
Foto: REUTERS/Tracey Nearmy

Beatriz Haddad Maia caminha para mais um grande momento na carreira e segue pela primeira vez para a terceira rodada do Aberto da Austrália. A brasileira superou a jovem russa de 16 anos, Alina Korneeva, 179ª do ranking da WTA, na madrugada desta quarta-feira, 17, na Rod Laver Arena, por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/2, em 1h e 20 minutos. Foi o primeiro duelo entre elas.

Com a programação atrasada devido à chuva, o torneio transferiu a partida da brasileira para a Rod Laver Arena, a principal quadra da competição, onde Bia começou liderando a primeira parcial com muito calma e sem dificuldade.

A brasileira iniciou o primeiro set quebrando o serviço da adversária duas vezes seguidas, a primeira no quarto game abrindo 3-1 em rápidos 16 minutos. Firme no saque e com Korneeva tentando acompanhar, Bia chegou aos 5 a 1 com apenas 28 minutos. A russa cometeu 17 erros não forçados contra seis de Bia, que fechou o set nos 6 a 1 com tranquilidade.

O segundo set veio logo com um saque da jovem russa quebrado por Bia, abrindo em 2 a 0. O sexto game que exigiu mais da brasileira, a brasileira precisou salvar três break points. Mesmo com o desafio, ela se manteve a frente com 4 a 2. Com dupla falta de Alina, Bia garantiu mais uma quebra e fechou a partida com um saque em 6 a 2.

"Ela é uma ótima jogadora. Muito jovem e com um bom saque. Ela estava jogando muito bem durante esta semana. Eu vi um pouco. Ela terá um grande futuro. Desejo a ela tudo de melhor. Foi muito difícil. Cada vez que entramos em quadra precisamos respeitar e aceitar o que estamos sentindo. Tentei fazer o meu melhor com todas as emoções que tinha. Estou feliz com meu trabalho", afirmou Bia, atual número 12 do mundo.

Bia fez questão de agradecer ao público presente na quadra principal do Aberto da Austrália. "Os brasileiros são incríveis. Eles estão sempre em todos os lugares torcendo por mim. Não importa em que parte do mundo. Com certeza há brasileiros aqui. Estou muito feliz e orgulhosa de ser uma mulher brasileira e de estar nas grandes quadras do mundo e representá-los. Estou feliz e espero poder trazer mais felicidade para eles também."

Por fim, a brasileira afirmou que o seu bom desempenho em quadra vem do trabalho das pessoas fora dela. "Acho que tudo veio do meu coração. Eu sei o quanto minha equipe, minha família e todos que estão atrás de mim trabalham todos os dias. Não importa se está ventando, quente ou um dia difícil. Tentamos fazer o nosso melhor todos os dias. Eu tenho essa mentalidade por causa deles. Eu apenas tento ser a pessoa com a raquete aqui (dentro de quadra) para representar esse grupo especial que tenho atrás de mim", discursou.

Na terceira rodada, prevista para esta quinta-feira, 18, Bia enfrenta Maria Timofeeva, de 20 anos, número 170 do mundo. A russa eliminou a ex-número um do mundo Caroline Wozniacki por 2 sets a 1, com parciais de 1/6, 6/4 e 6/1.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade