PUBLICIDADE
Logo do

São Paulo

Meu time

Pelo segundo tempo, Bruno Alves considera injusto o empate: 'Merecíamos vencer'

Tricolor desperdiçou um pênalti e dois tiros livres indiretos contra o Rentistas no Uruguai

12 mai 2021 22h58
| atualizado às 23h59
ver comentários
Publicidade

Único titular do São Paulo no duelo diante do Rentistas, nesta quarta-feira, em Montevidéu, o zagueiro Bruno Alves considerou injusto o empate, por 1 a 1, principalmente pela produção do time no segundo tempo, quando perdeu várias oportunidades.

"Ele (Hernán Crespo, técnico) acertou alguns detalhes da marcação. Foi feliz, no segundo tempo a evolução da equipe foi muito boa. Conseguimos marcar melhor a pressão, tivemos chances de gol. Passamos a dominar, merecíamos um resultado melhor", disse o defensor.

Apesar do resultado, que impediu uma classificação antecipada para as oitavas de final da competição, Bruno Alves destacou a postura dos jovens jogadores que estiveram em campo. "No contexto geral foi muito bom, meninos estreando numa Libertadores e não sentindo o peso. Um equipe protagonista, de querer a bola. Mostra evolução e a força do grupo."

Com o ponto conquistado no Uruguai, o São Paulo chegou aos oito pontos, mesma pontuação do Racing, mas com saldo melhor (5 a 3), o que lhe garante a liderança do Grupo E. Crespo optou por escalar uma equipe reserva e deixar os titulares em São Paulo se preparando para o duelo pelas quartas de final do Campeonato Paulista, sexta-feira, diante da Ferroviária, no Morumbi.

Estadão
Publicidade
Publicidade