PUBLICIDADE

Motociclismo

Bastianini prevê "muito aprendizado" ao lado de Bagnaia, mas diz: "Também é meu rival"

Amigos, sim. E rivais também. Enea Bastianini acredita que vai aprender muito ao lado de Francesco Bagnaia na Ducati, mas deixou claro que o atual campeão ainda é um de seus grandes oponentes

18 jan 2023 - 09h55
Compartilhar
Exibir comentários
Bastianini falou sobre Bagnaia
Bastianini falou sobre Bagnaia
Foto: Michelin / Grande Prêmio

Com seu excelente desempenho em 2022, Enea Bastianini foi promovido à equipe de fábrica da Ducati e vai fazer parceria com Francesco Bagania. Agora, numa equipe 100% italiana, 'The Bestia' crê que a amizade com o atual campeão da MotoGP será fortalecida — ainda que também sejam rivais na pista.

"Existe rivalidade, mas acima de tudo amizade", disse Bastianini, em entrevista ao jornal italiano La Repubblica. "Nós nos conhecemos desde crianças e, pela primeira vez, estamos no mesmo time. Eu o respeito, terei muito a aprender. Mas ele será meu primeiro adversário", seguiu.

Relacionadas

As corridas do fim de semana na TV e no streaming: 13 a 15 de janeiro
Carne nova! 'Será corre-corre de fábricas para entrar na Fórmula 1'
FIA aposta em "grande redução dos quiques" e vê diretiva técnica como "medida certa"

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Enea Bastianini acredita que poderá brigar pelo título em 2023
Enea Bastianini acredita que poderá brigar pelo título em 2023
Foto: Ducati / Grande Prêmio

"Em uma era que não permite que você seja você mesmo, eu tento mesmo assim. Um cara da velha escola: instintivo, poucos cálculos e muita paixão. Gostaria que a MotoGP voltasse a certas batalhas. Se fosse por mim, as corridas seriam apenas corpo a corpo", colocou.

A temporada passada foi ótima para mostrar o talento de #23. Numa Gresini que vem se reestruturando, Bastianini fez a equipe sorrir: venceu quatro vezes, chegou a seis pódios e conquistou uma pole-position. No entanto, quando questionado sobre favoritos para 2023, um veterano veio à mente: Marc Márquez.

"Basta olhar para os números, Marc ganhou mais do que qualquer um. Este ano ele será o grande protagonista, o favorito. Tenho certeza que veremos um campeão em sua melhor forma e será um prazer desafiá-lo", encerrou.

O hexacampeão da classe rainha ainda se recupera de sua quarta cirurgia no braço direito, mas segue entre os principais nomes — sobretudo para a Honda — na MotoGP.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.
Grande Prêmio
Compartilhar
Publicidade
Publicidade