0

Vasco paga parte dos salários de funcionários com renda de ingressos virtuais

Cruz-Maltino conseguiu dar um adiantamento aos colaboradores com valor arrecadado com a venda de bilhetes simbólicos para a reprise da final da Libertadores de 1998

28 mai 2020
18h34
atualizado às 19h04
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Vasco teve um pequeno alívio na situação financeira, nesta quinta-feira. Com o valor arrecadado com a venda de ingressos simbólicos para a reprise da final Libertadores de 1998, contra o Barcelona (EQU), exibida pela TV Globo, no último domingo, o clube depositou R$1.100 na conta de 157 funcionários. Até o momento, o clube Cruz-Maltino contabilizou uma renda provisória de R$172.700, uma vez que alguns boletos ainda não foram compensados.

Vasco pagou parte dos salários de funcionários (Foto: Divulgação)
Vasco pagou parte dos salários de funcionários (Foto: Divulgação)
Foto: Lance!

Entre os trabalhadores que receberam o adiantamento estão alguns funcionários do colégio Vasco da Gama. Foram contemplados os que tem vencimentos maiores e menores que R$1800, referentes a fevereiro, em alguns casos e março, em outros.

O Vasco tem atrasados, agora:

- Fevereiro, março e abril para os jogadores que recebem salários mais baixos
- As quatro folhas salariais de 2020, para jogadores de salários mais elevados
- Uma parte de março e abril, para funcionários que recebem até R$ 1.800.
- Parte de janeiro, parte de fevereiro, março e abril para funcionários que recebem mais de R$ 1.800.
- Valores de 2019 relativos a direitos de imagem ou pagamentos a pessoa jurídica.

Veja também:

Saiba o que seu clube precisa na última rodada da Taça Rio
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade