0

Se marcar contra o Botafogo, Luciano, do São Paulo, vira artilheiro isolado do Brasileirão

Atacante tem 17 gols marcados na competição, dividindo a artilharia com Marinho, Thiago Galhardo e Claudinho. Todos os concorrentes já atuaram nesta rodada

22 fev 2021
12h03
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O São Paulo pode ter o artilheiro isolado do Campeonato Brasileiro ao término da 37ª rodada da competição. Com 17 gols marcados, Luciano divide a artilharia com Marinho, do Santos, Thiago Galhardo, do Internacional e Claudinho, do Red Bull Bragantino.

Luciano pode se tornar artilheiro isolado do Brasileirão (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)
Luciano pode se tornar artilheiro isolado do Brasileirão (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)
Foto: Lance!

Se marcar pelo menos um gol diante do Botafogo, pior defesa da competição com 60 gols sofridos, o camisa 11 se torna o artilheiro isolado faltando uma rodada para o término do Brasileirão.

Caso Luciano seja o maior goleador da competição, ele quebrará um jejum do São Paulo no quesito artilheiro do Brasileirão. A última vez que o Tricolor teve o artilheiro foi com Luis Fabiano, que marcou 19 gols no Brasileirão de 2002, dividindo o posto com Rodrigo Fabri, na época, jogador do Grêmio.

Se manter a média deste ano, Luciano tem grandes chances de deixar sua marca. Em seis jogos disputados neste ano, ele marcou cinco gols. Ainda finalizou 15 vezes, sendo nove no gol adversário.

O São Paulo teve, ao longo da história do Brasileirão, quatro artilheiros do torneio. Pedro Rocha, com 17 gols em 1972, Careca, com 25 gols em 1986, Muller, com dez gols em 1987 e o Fabuloso em 2002, com 19 gols marcados.

VEJA TODOS OS ARTILHEIROS DO BRASILEIRÃO NO SÃO PAULO

1972 - Pedro Rocha - 17 gols

1986 - Careca - 25 gols

1987 - Muller - 10 gols

2002 - Luís Fabiano - 19 gols

Veja também:

Listamos os dez melhores kickers da NFL
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade