3 eventos ao vivo

Liverpool vence o Chelsea nos pênaltis e fatura a Supercopa

Reds ganham por 5 a 4 nas penalidades, após empate por 2 a 2 ao fim da prorrogação

14 ago 2019
18h51
atualizado às 18h59
  • separator
  • 0
  • comentários

E a Europa já tem o primeiro campeão da temporada. Na Supercopa da Uefa, em Istambul, após um empate em 2 a 2 no tempo normal e na prorrogação, o Liverpool contou com a estrela do goleiro Adrian, e venceu o Chelsea nos pênaltis por 5 a 4, para conquistar o torneio pela quarta vez na história do clube. Com bola rolando, Giroud e Jorginho marcaram os gols dos Blues, e Sadio Mané, duas vezes, marcou para o Liverpool.

Jogadores do Liverpool comemoram título da Supercopa.
Jogadores do Liverpool comemoram título da Supercopa.
Foto: John Sibley / Reuters

POLÊMICA?

A primeira chance perigosa da partida em Istambul foi do Liverpool. Em chegada pelo lado direito de ataque, Henderson descolou belo cruzamento e encontrou Mané, que emendou uma bicicleta que explodiu nas mãos de Christensen. A árbitra não entendeu como pênalti e mandou o jogo seguir.

EQUILÍBRIO

Após o susto da bicicleta de Mané, o Liverpool esteve perto de marcar novamente, dessa vez com Salah. O egípcio recebeu de Chamberlain e finalizou cruzado, para bela defesa de Kepa. O susto fez o Chelsea ir para o jogo, e também levou perigo para o gol dos Reds, quando Pedro finalizou forte e a bola explodiu no travessão de Adrian.

BLUES EM VANTAGEM

Depois de carimbar a trave, o Chelsea permaneceu em cima do Liverpool e teve as melhores chances até conseguir balançar as redes. Pulisic fez bela jogada individual, Giroud se movimentou para receber frente a frente com Adrian e não perdoou, tocando de perna esquerda no contrapé do goleiro e colocando os Blues na frente. Minutos depois, Pulisic marcou o segundo, mas em posição irregular, o VAR anulou o lance.

VOLTOU E EMPATOU

Logo no primeiro ataque do segundo tempo de partida, o Liverpool mostrou o motivo de ser o atual campeão da Liga dos Campeões. Na pressão, Mané saiu frente a frente com Kepa, finalizou e no rebote conseguiu empurrar de vez para as redes para deixar tudo igual no placar em Istambul.

NO TEMPO EXTRA...

O empate no placar persistiu até o final do tempo regulamentar e a partida precisou ir para a prorrogação. No tempo extra, o Liverpool saiu na frente logo aos 5 minutos, quando Firmino fez bela jogada pela esquerda e cruzou nos pés de Mané, que chutou de primeira sem chances para Kepa e fez o 2 a 1. De pênalti, aos 11, Jorginho empatou tudo novamente.

NA MARCA DA CAL, DEU

A igualdade permaneceu até o fim do tempo extra e o título foi decido nos pênaltis. Firmino, Fabinho, Origi, Alexander-Arnold e Salah converteram para o Liverpool; Jorginho, Barkley, Mount e Emerson fizeram para o Chelsea, mas na última cobrança da série, Abraham parou nos pés de Adrian e o título ficou com os Reds.

FICHA TÉCNICA

LIVERPOOL 2 x 2 CHELSEA

Local: Vodafone Park, Istambul (TUR)

Data-Hora: 14/08/2019 - 16h (de Brasília)

Árbitro: Stéphanie Frappart (FRA)

Auxiliares: Manuela Nicolosi (FRA) e Michelle O'Neill (IRL)

VAR: Clément Turpin (FRA)

Cartões Amarelos: Henderson 40'/2T, Alexander-Arnold 2'/2P (LIV); Azpilicueta 34'/2T (CHE)

Gols: Giroud 36'/1T (0-1), Mané 2'/2T (1-1), Mané 5'/1P (2-1), Jorginho 11'/1P (2-2)

LIVERPOOL: Adrian; Gomez, Matip, Van Dijk, Robertson (Alexander-Arnold); Fabinho, Milner (Wijnaldum), Henderson; Oxlade- Chamberlain (Firmino), Mané (Origi) e Salah. Técnico: Jürgen Klopp

CHELSEA: Kepa; Azpilicueta, Zouma, Christensen (Tomori), Emerson Palmieri; Jorginho, Kanté, Kovacic (Barkley); Pulisic (Mount), Giroud (Abraham) e Pedro. Técnico: Frank Lampard

Veja também:

 

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade