0

Kean é vítima de racismo, e Bonucci dá declaração infeliz: '50% culpa dele'

Zagueiro da Juventus marcou o primeiro gol da vitória da Velha Senhora fora de casa contra o Cagliari e Kean marcou o segundo, quando foi alvo de insultos racistas pela torcida

2 abr 2019
19h31
atualizado às 20h07
  • separator
  • 0
  • comentários

Com apenas 19 anos de idade, Moise Kean tem sido um dos principais destaques do futebol italiano nos últimos meses. Joia da Juventus, o atacante já chegou a ser convocado pela seleção e deixou sua marca logo no primeiro jogo como titular da Squadra Azzurra.

Kean é amparado por colegas após o fim da partida (Foto: AFP)
Kean é amparado por colegas após o fim da partida (Foto: AFP)
Foto: Lance!

Nesta terça-feira, mais uma vez titular pela Juventus, o jovem atacante marcou o segundo gol da vitória da Juve contra o Cagliari fora de casa. Alvo vaias durante toda partida, comemorou seu gol em frente aos torcedores adversários, que começaram com insultos racistas e sons de macacos em sua direção.

Ao perceber os insultos, o volante Matuidi saiu em defesa de seu companheiro e foi reclamar com a arbitragem da partida. Os jogadores do Cagliari, adversários de Kean, foram em direção a sua torcida e pediram para parar com os xingamentos.

Entretanto, apesar de ser um dos líderes da equipe dentro de campo, e autor do primeiro gol da vitória desta terça-feira, o zagueiro Leonardo Bonucci deu uma declaração pra lá de infeliz ao falar sobre o caso.

- Moise sabe que quando se marca um gol, é preciso comemorar com o time e pronto. Foi um momento ruim, Kean poderia fazer algo diferente e é isso. Acho que que a culpa é 50-50: ele estava errado, os torcedores estavam errados. Devemos ser um exemplo e crescer como um sistema de futebol - disse.

Além de Bonucci, o próprio treinador da equipe Massimiliano Allegri não eximiu a 'culpa' de Kean por sofrer com os insultos racistas dos torcedores do Cagliari, os qual Allegri classificou como 'idiotas'.

- Certamente ele poderia ter evitado. Moise é um menino que tem que aprender, às vezes ele tem pecados de juventude, mas ele tem grandes qualidades. Os xingamentos racistas? Nós não devemos dar bola para instigar, mas isso não significa que eu justifique certo comportamento. Certamente houve alguns idiotas, que devem ser levados e retirados do estádio. Parem! - disparou o treinador.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade