0

Dos três grandes de MG, apenas o CT de base do Atlético-MG está em dia

Cruzeiro e América-MG estão sem a documentação completa para receber jovens jogadores nas estruturas montadas pelos clubes

13 fev 2019
17h29
  • separator
  • comentários

A tragédia que matou 10 jovens atletas da base do Flamengo, na última sexta-feira, 8 de fevereiro, começa a reverberar em outros clubes brasileiros que possuem categorias de base. E, os três grandes clubes de Minas Gerais, América-MG, Atlético-MG e Cruzeiro, entraram nos holofotes da fiscalização dos órgãos públicos municipais e estaduais.

As verificações nos três clubes mostraram que apenas o CT de base do Atlético-MG está com todas as documentações e fiscalizações em dia. A Prefeitura de Contagem foi ao CT Lanna Drumond, onde os profissionais e a base do América-MG treinam, além de abrigar 60 jovens das equipes inferiores, e não encontrou o Alvará de funcionamento do local. Os fiscais da prefeitura, pediram ao clube a apresentação dos documentos em até 48h após a visita no CT, que aconteceu na terça-feira, dia 12 de fevereiro.
No Cruzeiro, que abriga suas categorias de base na Toca da Raposa I, que já foi o centro de treinamento dos profissionais, a Prefeitura de Belo Horizonte informou que não encontrou em seu sistema o Alvará de funcionamento da Toca I, nem o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros. Nesta quarta-feira, os Bombeiros realizaram uma visita às Toca I e Toca II, onde os profissionais treinam, mas o clube não permitiu mais detalhes da vistoria.

O único clube da capital mineira que está com tudo em ordem é o Atlético-MG. O clube alvinegro tem 105 jovens sem seus alojamentos. O clube está em dia com a documentação de funcionamento emitido pela Prefeitura de Vespasiano, onde está localizada a Cidade do Galo, além das vistorias em dia do Corpo de Bombeiros que tem validade até outubro de 2019.

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade