PUBLICIDADE

Contra a Bélgica, faixa retorna para Miranda, o agora maior capitão da era Tite

Zagueiro será o capitão do Brasil pela quinta vez, se tornando o jogador que carregou mais vezes a faixa com Tite

5 jul 2018 07h33
| atualizado às 07h56
ver comentários
Publicidade

Miranda será mais uma vez o capitão da Seleção Brasileira no confronto diante da Bélgica, nesta sexta-feira às 15h, pelas quartas de final da Copa do Mundo. O anúncio foi feito assim que a delegação brasileira desembarcou no hotel em Kazan, na manhã desta quinta-feira.

Miranda em ação contra a Sérvia. Brasil ainda não perdeu com ele de capitão (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)
Miranda em ação contra a Sérvia. Brasil ainda não perdeu com ele de capitão (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)
Foto: Lance!

Será a quinta vez que o camisa 3 carregará a faixa com a amarelinha, passando a ser o jogador que mais vezes foi capitão sob o comando de Tite. Nesta Copa do Mundo, será a 2ª vez que Miranda usará a faixa. A primeira foi na vitória por 2 a 0 sobre a Sérvia, no duelo que fechou a primeira fase do Brasil na Copa.

A comissão técnica do Brasil segue fazendo o prometido rodízio da faixa de capitão nesta Copa. Na estreia diante da Suiça foi o lateral-esquerdo Marcelo, depois disso Thiago SIlva e Miranda se revezaram como capitães.

O retrospecto com Miranda como capitão do Brasil é ótimo. Em quatro jogos, foram quatro vitórias, com 12 gols marcados e apenas um sofrido.

Ao lado de Tite, Miranda dará uma entrevista coletiva a partir das 9h45 (horário de Brasília) no estádio do Rubin Kazan. Depois, a seleção realiza o último treino antes do confronto diante da Bélgica por uma vaga na semifinal da Copa do Mundo.

Lance!
Publicidade
Publicidade