PUBLICIDADE

CBF demite Washington após polêmica em jogo do Botafogo

Ex-atacante é demitido por ter mostrado o lance de um possível pênalti não marcado para a comissão do Caxias, eliminado pelos cariocas

6 fev 2020 17h42
| atualizado às 19h00
ver comentários
Publicidade

Washington não faz mais parte da CBF (Confederação Brasileira de Futebol). O "Coração Valente", apelido pelo qual era conhecido nos tempos de jogador, foi desligado do cargo de Diretor de Desenvolvimento da entidade nesta quinta-feira, após ter se envolvido em uma polêmica no empate de 1 a 1 entre Caxias-RS e Botafogo, no Estádio Centenário, pela Copa do Brasil.

Washington mostra lance para membro da comissão técnica do Caxias-RS (Foto: Reprodução/Sportv)
Washington mostra lance para membro da comissão técnica do Caxias-RS (Foto: Reprodução/Sportv)
Foto: LANCE!

Aos 44 minutos do primeiro tempo, a equipe do Caxias-RS reclamou de um pênalti não-marcado após um toque na mão dentro na área de Marcelo Benevenuto, zagueiro do Botafogo. Pouco tempo depois, Washington, no banco de reservas do Caxias-RS, mostrou o vídeo do lance para Jefferson Ribeiro, auxiliar técnico que estava no lugar do treinador Rafael Lacerda, suspenso.

O membro da comissão técnica da equipe gaúcha assistiu ao lance no celular de Washington, o que é proibido de acordo pelo regulamento de CBF. "O árbitro está de sacanagem de não ter marcado esse pênalti", afirmou Jefferson Ribeiro após o evento.

Lucas Canetto Bellote, árbitro da partida, inclusive, relatou o episódio na súmula oficial da partida, divulgada nesta quinta-feira. O juiz da federação paulista afirmou no documento que solicitou para Washington deixar o banco de reservas do Caxias-RS.

Parte da súmula que fala sobre Washington:

"Informo que antes da partida esteve no vestiário da arbitragem o sr. Washington Stecanela Cerqueira se identificando na função de diretor de
desenvolvimento da CBF. O mesmo desejou uma boa partida. Informo também que no intervalo da partida identificamos o mesmo no banco de
reservas da equipe S.E.R Caxias sendo solicitado que deixasse o local.

Ao final da partida, enquanto realizávamos a súmula visualizamos na internet vídeos do Sr. Washignton Stecanela Cerqueira mostrando um
equipamento de celular ao auxiliar técnico Sr. Jeferson Ribeiro da Silva da equipe S.E.R Caxias."

Nota oficial da CBF:

"A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) informa que, em decorrência dos episódios registrados no jogo entre Caxias e Botafogo, válido pela Copa do Brasil nesta quarta-feira, 5, Washington Cerqueira foi desligado do cargo de Diretor de Desenvolvimento da entidade.

A CBF agradece a Washington pelos serviços prestados, reconhecendo suas inúmeras qualidades pessoais, sua capacidade como dirigente e sua grande trajetória como jogador."

Veja também:

A igreja evangélica e metaleira que une todas as tribos:

 

Lance!
Publicidade
Publicidade