0

Botafogo paga parte dos salários atrasados de um mês a funcionários

Por meio de dinheiro desbloqueado via Sindeclubes, diretoria do Alvinegro quitou mais 43% dos vencimentos de fevereiro; parte final do mês deve ser quitada até a próxima semana

15 mai 2020
15h58
atualizado às 15h58
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Por ora, um curto alívio. O Botafogo quitou, na tarde desta sexta-feira, mais uma parte dos salários de fevereiro junto aos funcionários com a ajuda do Sindiclubes. Agora, os trabalhadores já receberam cerca de dois terços do valor total dos vencimentos do segundo mês de 2020.

Nelson Mufarrej é o presidente do Botafogo (Foto: Vitor Silva/Botafogo)
Nelson Mufarrej é o presidente do Botafogo (Foto: Vitor Silva/Botafogo)
Foto: Lance!

O Departamento Jurídico do Botafogo conseguiu a liberação de uma verba que estava presa junto à Rede Globo - que diz respeito à cota do último Campeonato Brasileiro - e o dinheiro será depositado diretamente pelo Sindiclubes aos funcionários.

A diretoria quitou, nesta semana, 43% do valor dos salários do mês de fevereiro. Com os 23% que já haviam sido quitado antes, os trabalhadores tiveram acesso a 66% do valor dos débitos de fevereiro. O clube terá que quitar os 34% até a próxima semana.

Além deste terço de fevereiro, os funcionários não receberam o equivalente a março e abril. Ainda não há previsão para o pagamento desses vencimentos.

No início do mês, o Botafogo demitiu 45 funcionários entre as três sedes - General Severiano, Nilton Santos e Caio Martins. Estes também possuem tais vencimentos em aberto, além das consequentes rescisões.

Veja também:

Os novos recordes que Fred pode alcançar no Fluminense
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade