PUBLICIDADE

Milena Titoneli perde e vai para a repescagem no taekwondo

Brasileira é superada por croata e terá de vencer haitiana para poder brigar por uma medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio

26 jul 2021 - 05h01
Compartilhar
Exibir comentários

A brasileira Milena Titoneli vai disputar, nesta segunda-feira, a repescagem na categoria até 67 quilos no taekwondodo dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Após perder para a croata Mate Jelic, na segunda rodada, a atleta foi favorecida pelo fato de a algoz seguir na competição e atingir a semifinal.

A croata Matea Jelic ataca Milena Titoneli na vitória sobre a brasileira em Tóquio
A croata Matea Jelic ataca Milena Titoneli na vitória sobre a brasileira em Tóquio
Foto: Murad Sezer/Reuters

Com isso, Milena vai enfrentar, às 7 horas (de Brasília) desta segunda-feira, a haitiana Lauren Lee na luta por uma vaga na disputa da medalha de bronze. Lee também perdeu para Jelic por 22 a 2.

Milena, de 22 anos, natural de São Paulo, estreou nos Jogos de Tóquio com vitória sobre Julyana Al-Sadeq, da Jordânia, por superioridade, após empate por 9 a 9 nos três rounds disputados.

Na segunda apresentação, diante de Jelic, a brasileira teve um bom desempenho no primeiro round, quando equilibrou a disputa, ao perder por 7 a 6, mas depois não resistiu ao maior nível técnico da adversária, cansou no terceiro round e perdeu por 30 a 9.

Apesar de jovem, Milena já tem seu nome na história do taekwondo brasileiro, por se tornar, em 2019, a

primeira brasileira campeã dos Jogos Pan-Americanos. Ele foi terceira colocada no Mundial no mesmo ano.

No masculino, Ícaro Miguel não teve a mesma sorte e terminou eliminado na primeira rodada, ao perder para o italiano Simone Alessio, após o juiz paralisar o combate, quando o lutador europeu vencia por 22 a 9. Ícaro não prosseguiu na competição até a repescagem porque Alessio perdeu na segunda luta para o egípcio Seif Eissa por 6 a 5.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade