4 eventos ao vivo

Comissão técnica da Sub-20 aponta boicote de Tite e Edu

2 mar 2017
13h39
  • separator
  • 0
  • comentários

Durante o Sul-Americano Sub-20, no Equador, no qual o Brasil não ficou nem entre os quatro melhores e, por isso, perdeu vaga no Mundial da categoria, um assunto inquietava a comissão técnica da equipe: a ausência de Tite e auxiliares dele para prestigiar o time ao longo de todo o período da competição – entre 18 de janeiro e 11 de fevereiro.

Técnicos Tite e Rogério Micale: relação estremecida
Técnicos Tite e Rogério Micale: relação estremecida
Foto: Marcello Dias / Futura Press

Com o resultado ruim e a demissão de todo o grupo do técnico Rogério Micale e do coordenador Erasmo Damiani, o tema voltou à tona, entre os afastados pela CBF. A diferença é que agora eles dão uma interpretação ao silêncio de Tite e do coordenador da Seleção principal, Edu Gaspar, nas semanas de disputa do Sul-Americano.

O Terra apurou que os demitidos saíram com a percepção de que foram boicotados pelos que dirigem a Seleção principal.

Alegaram que receberam de Tite apoio incondicional tão logo ele assumiu a Seleção, em junho do ano passado. Realmente, o técnico fez elogios seguidos ao trabalho de Micale e o bancou junto à cúpula da CBF para comandar o time olímpico.

Mas nem a medalha de ouro inédita no futebol serviu para manter Micale, após o Sul-Americano. Para ele e Damiani, pesou a intenção de Edu Gaspar de montar um grupo "fechado", com parceiros seus e de Tite nas seleções de base da CBF.

Veja também:

A seleção depois de Tite

 

Fonte: Silvio Alves Barsetti
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade