2 eventos ao vivo

Mancini chama Giovinco e deixa Balotelli fora de convocação da Itália

5 out 2018
11h22
atualizado às 11h22
  • separator
  • comentários

A ausência na Copa do Mundo da Rússia forçou a Itália a acelerar um processo de renovação em sua seleção. Mesmo assim, à princípio, Roberto Mancini decidiu apostar em velhos conhecidos para a tentativa de retomada com um estilo de jogo mais competitivo, marca da Azzuri no período de maior sucesso. A prova disso é a convocação desta sexta-feira, quando o treinador chamou, por exemplo, Sebastian Giovinco.

Aos 31 anos, Giovinco foi nome esquecido pela Itália no ciclo para o Mundial de 2018. Atualmente no Toronto FC, da MLS (Liga dos Estados Unidos), o atacante não era convocado desde outubro de 2015, quando entrou em campo na vitória da Itália sobre a Noruega ainda pelas eliminatórias da Eurocopa de 2016, vencida por Portugal. Foi também a primeira convocação de Caprari, de 25 anos.

Entre as ausências, as de maior destaque são dos atacantes Mario Balotelli e Belotti, ambos fora da lista por opção técnica. Já Caldara e Rugani, que se recuperam de lesão, também estão ausentes dos dois compromissos da tetracampeã mundial em outubro. Nomes como Jorginho e Emerson Palmieri, brasileiros naturalizados italianos, também foram convocados.

O primeiro compromisso da Itália será no dia 10 de outubro, em Genova, contra a Ucrânia, em partida amistosa. Quatro dias depois, a Azzurri viaja para enfrentar a Polônia pela Liga das Nações, competição criada pela Uefa.

Confira a lista de convocados da Itália:

Goleiros: Cragno (Cagliari), Donnarumma (Milan), Perin (Juventus), Sirigu (Torino);

Defensores: Acerbi (Lazio), Biraghi (Fiorentina), Bonucci (Juventus), Chiellini (Juventus), Criscito (Genoa), D'Ambrosio (Internazionale), Palmieri (Chelsea), Florenzi (Roma), Romagnoli (Milan);

Meio-campistas: Barella (Cagliari), Bernardeschi (Juventus), Bonaventura (Milan), Gagliardini (Internazionale), Jorginho (Chelsea), Pellegrini (Roma), Verratti (Paris Saint-Germain);

Atacantes: Berardi (Sassuolo), Caprari (Sampdoria), Chiesa (Fiorentina), Cutrone (Milan), Giovinco (Toronto), Immobile (Lazio), Insigne (Napoli) e Zaza (Torino).

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade