PUBLICIDADE

Futebol Internacional

Columbus Crew vence Los Angeles FC e conquista seu terceiro título da MLS

9 dez 2023 - 23h08
(atualizado às 23h38)
Compartilhar
Exibir comentários

O Columbus Crew venceu o Los Angeles FC por 2 a 1 neste sábado e conquistou seu terceiro título da Liga Norte-Americana, a MLS. No Lower.com Field, os campeões abriram o placar com um gol do colombiano Juan Camilo Cucho Hernández, convertendo um pênalti aos 33 minutos, e o ganês Yaw Yeboah ampliou aos 37. O gabonês Denis Bouanga, diminuiu no segundo tempo para os vices.

O LAFC não conseguiu revalidar o título, feito que apenas três franquias da MLS conseguiram, nesta que foi provavelmente a partida de despedida do seu emblemático capitão Carlos Vela e do veterano italiano Giorgio Chiellini.

O Columbus, comandado pelo pouco conhecido técnico francês Wilfried Nancy, dominou o jogo por longos períodos, enquanto o LAFC de Steve Cherundolo não conseguiu se beneficiar de seu habitual jogo de contra-ataques.

Nancy, que conquistou seu primeiro título importante como técnico em sua primeira temporada no Columbus, disse que seu time melhorou ao longo da temporada.

"Eles cresceram muito como jogadores e como pessoas. Quando começamos, eu disse a eles 'Rapazes, impossível é uma opinião', apenas aproveitem e vamos crescer. E foi isso que aconteceu. Isto é inacreditável", disse ele. "Jogamos do nosso jeito. Estou muito orgulhoso", completou

Depois dos triunfos em 2008 e 2020, o Columbus Crew se sagrou campeão da MLS, no ano em que os holofotes do mundo do futebol se concentraram neste campeonato na chegada de Lionel Messi em julho. Embora tenha levado o Inter Miami ao título da Leagues Cup, o astro argentino disputou apenas seis partidas na competição e não teve tempo de levar seu time aos playoffs.

O Columbus, que ficou de fora dos playoffs no ano passado, ressurgiu nesta temporada graças a Cucho Hernández e seu parceiro de ataque, o uruguaio Diego Rossi, ex-jogador do LAFC.

"Foi um pouco difícil para mim e minha família vir da Inglaterra para os Estados Unidos. Isso significa que todo o esforço e decisão que tomamos foram acertados. Agora quero desfrutar", disse à Apple TV o atacante Pereira, por quem o Columbus pagou 10 milhões de dólares (R$ 49 milhões pela cotação atual) em 2022 ao inglês Watford.

O jogo

Depois de um início frenético, diante de uma torcida barulhenta que lotou o estádio com capacidade para 20.802 pessoas, o Columbus rapidamente se acomodou em seu jogo de posse de bola, graças à influência tranquilizadora do veterano meia Darlington Nagbe.

O domínio da equipe da casa rendeu frutos em uma jogada na área em que Rossi tentou controlar uma bola que depois ricocheteou no peito do zagueiro equatoriano Diego Palacios e tocou em seu braço. O árbitro marcou o pênalti e Cucho Hernández fez 1 a 0 enganando o goleiro canadense Maxime Crépeau.

Com o LAFC ainda tentando se recuperar do duro golpe, o zagueiro dinamarquês Malte Amundsen surpreendeu a defesa do time de Los Angeles com um lançamento para a entrada de Yaw Yeboah, que definiu diante de Crépeau com um belo chute.

Os visitantes deram emoção à reta final ao descontar por meio do gabonês Denis Bouanga, artilheiro do ano na MLS. O zagueiro colombiano Jesús Murillo roubou a bola de Rossi e chegou à área, de onde cruzou para Carlos Vela. O mexicano não conseguiu finalizar e a bola sobrou na segunda trave para Bouanga, que superou o goleiro Patrick Schulte. O gol deu esperanças ao LAFC, mas para a alegria da torcida local, o placar não mudou mais.

Os últimos dez campeões da Major League Soccer (MLS):

2023: Columbus Crew

2022: Los Angeles FC

2021: New York City FC

2020: Columbus Crew

2019: Seattle Sounders

2018: Atlanta United

2017: Toronto FC

2016: Seattle Sounders

2015: Portland Timbers

2014: Los Angeles Galaxy

Times com mais títulos:

1. Los Angeles Galaxy - 5 (2002, 2005, 2011, 2012, 2014)

2. DC United - 4 (1996, 1997, 1999, 2004)

3. Columbus Crew - 3 (2008, 2020, 2023)

4. Seattle Sounders - 2 (2016, 2019)

. Houston Dynamo - 2 (2006, 2007)

. Sporting Kansas City - 2 (2000, 2013)

. San Jose Earthquakes - 2 (2001, 2003)

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Compartilhar
Publicidade
Publicidade