PUBLICIDADE

Grêmio empata com o Inter e volta a conquistar o Gaúcho

Ferreirinha, para os mandantes, e Rodrigo Dourados, em favor dos visitantes, anotaram os tentos decisivos do Gre-Nal

23 mai 2021 18h11
| atualizado às 18h41
ver comentários
Publicidade
Pedro Geromel jogador do Grêmio levanta a taça de campeão
Pedro Geromel jogador do Grêmio levanta a taça de campeão
Foto: PEDRO H. TESCH / Estadão Conteúdo

O Grêmio se consagrou campeão Gaúcho pela 40ª vez na história. Depois de vencer o jogo de ida por 2 a 1, o Tricolor empatou por 1 a 1 com o Internacional, em casa, e levantou o troféu. Ferreirinha, para os mandantes, e Rodrigo Dourados, em favor dos visitantes, anotaram os tentos decisivos do Gre-Nal 432.

Com o resultado, a atual equipe do técnico Tiago Nunes conquistou o quarto título gaúcho seguido, algo que não acontecia há 33 anos. Esse, aliás, é o quarto tetra do clube. O feito também ocorreu em 1959,1965 e 1988.

Agora, o Grêmio volta a campo na próxima quinta-feira, quando visita o La Equidad, pela Copa Sul-Americana, torneio que o time já está garantido na próxima fase. Já o Inter busca confirmar uma vaga nas oitavas de final da Libertadores na quarta-feira, diante do Always Ready, no Beira-Rio.

Ferreira, jogador do Grêmio, comemora seu gol na partida contra o Internacional
Ferreira, jogador do Grêmio, comemora seu gol na partida contra o Internacional
Foto: Pedro H. Tesch / Gazeta Press

O jogo

A etapa inicial foi bem brigada na Arena do Grêmio. A primeira chance real de gol saiu aos 14 minutos. Após cobrança de escanteio, Diego Souza ajeitou para Geromel, mas o zagueiro perdeu cara a cara. Os visitantes responderam aos 28. Maicon saiu jogando errado, Galhardo pegou a bola e tocou para Palacios, que chutou para fora.

A partir de então, o tempo fechou. Com 37 minutos, Rafinha e Yuri Alberto, que já estavam se estrando desde o início da partida, bateram boca e armaram uma confusão. Com isso, Vuaden expulsou os dois atletas.

Com dez jogadores para cada lado, os espaços começaram a aparecer. Precisando vencer, o Inter partiu para cima na reta final do primeiro tempo, mas quem acabou abrindo o marcador foram os anfitriões. Aos 51,em rápido contra-ataque, Ferreirinha recebeu pela esquerda, driblou Rodinei e bateu no cantinho de Lomba.

Na volta do intervalo, o Colorado alugou o campo de defesa do Grêmio em busca do empate, que saiu aos 21 minutos. Moisés cruzou com precisão pela esquerda, e Rodrigo Dourado testou firme para o fundo da rede. Aos 30, quase saiu a virada. Palacios recebeu pelo meio e arriscou forte chute rasteiro para boa defesa de Brenno.

Do outro lado, o Tricolor respondeu aos 36, em arremate na trave de Vanderson. Oito minutos depois, Ferreira teve uma ótima chance de matar o jogo. O ponta foi lançado pela esquerda, invadiu a área e, cara a cara com Lomba, chutou em cima do goleiro. Aos 47, foi a vez de Ricardinho perder um gol inacreditável, sem goleiro. Os tentos desperdiçados, no entanto, não fizeram falta, já que o Inter não conseguiu virar.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade