PUBLICIDADE

2006: em 1ª lista, Dunga priorizou Europa e 10 foram à Copa

19 ago 2014
07h34 atualizado às 07h35
0comentários
07h34 atualizado às 07h35
Publicidade
Volante Jônatas, capitão do Flamengo campeão da Copa do Brasil em 2006, foi um dos chamados por Dunga em sua primeira convocação
Volante Jônatas, capitão do Flamengo campeão da Copa do Brasil em 2006, foi um dos chamados por Dunga em sua primeira convocação
Foto: Luis Bagu / Getty Images

Dunga tem nesta terça-feira a missão de convocar a Seleção Brasileira para o início de um novo trabalho, tendo sobre si a expectativa do País pela aparição de novos nomes, o afastamento de jogadores contestados e o começo da formação de um grupo vencedor após a decepção na Copa do Mundo. O curioso é que esta não será uma situação inédita para o ex-volante. Em 2006, em seu primeiro trabalho como treinador, ele realizou sua primeira convocação em circunstâncias semelhantes, chamando de cara dez jogadores que estariam com ele no Mundial de 2010.

Foram 22 os atletas chamados por Dunga em 1º de agosto de 2006 para um amistoso contra a Noruega. E a tão pedida "renovação" pareceu ter chegado de cara: apenas oito jogadores haviam acabado de disputar a Copa na Alemanha. Sem poder contar com os astros Ronaldinho e Kaká, o treinador de primeira viagem apostou em nomes para o meio-campo que, hoje, podem soar estranhos, como Jônatas, Morais e Wagner – à época, destaques de Flamengo, Vasco e Cruzeiro, respectivamente.

Dunga quer Seleção Brasileira jogando com alegria:

Já os dez atletas que foram mantidos no grupo principal até a Copa de 2010, alguns entre idas e vindas, foram o goleiro Gomes, os zagueiros Lúcio, Juan e Luisão, os laterais Maicon e Gilberto, o volante Gilberto Silva, os meias Elano e Júlio Baptista e o atacante Robinho. Um sinal da fidelidade que marcou boa parte do trabalho de Dunga na Seleção – jogadores que haviam estado com ele na Seleção durante tempos de crise foram lembrados posteriormente para o Mundial, mesmo longe de seus melhores momentos.

Outra característica da lista de 2006 foi a prioridade dada a jogadores do futebol europeu. Somente cinco deles jogavam em times do Brasil: Fábio (Cruzeiro), Marcelo (Fluminense), Jônatas (Flamengo), Morais (Vasco) e Wagner (Cruzeiro). Nesta terça, é grande a chance de o Cruzeiro, atual campeão nacional e favorito para um novo título, ser novamente o clube brasileiro com mais jogadores cedidos à Seleção.

Dunga já declarou que a principal preocupação para esta convocação, válida para amistosos contra Colômbia e Equador, será o estado físico dos jogadores, já que a maioria está em início de temporada na Europa. Portanto, não será de se espantar caso a lista do "novo velho" treinador contenha nomes que, daqui a quatro ou oito anos, sejam encarados com certa incredulidade.

Relembre a primeira convocação de Dunga em agosto de 2006
Posição Jogador Clube Chegou à Copa de 2010?
Goleiro Gomes PSV (HOL) Sim
Goleiro Fábio Cruzeiro Não
Lateral Cicinho Real Madrid (ESP) Não
Lateral Maicon Inter de Milão (ITA) Sim
Lateral Gilberto Hertha Berlim (ALE) Sim
Lateral Marcelo Fluminense Não
Zagueiro Lúcio Bayern de Munique (ALE) Sim
Zagueiro Juan Bayer Leverkusen (ALE) Sim
Zagueiro Luisão Benfica (POR) Sim
Zagueiro Alex PSV (HOL) Não
Volante Gilberto Silva Arsenal (ING) Sim
Volante Edmilson Barcelona (ESP) Não
Volante Dudu Cearense CSKA Moscou (RUS) Não
Volante Jônatas Flamengo Não
Meia Elano Shakhtar Donetsk (UCR) Sim
Meia Júlio Baptista Real Madrid (ESP) Sim
Meia Morais Vasco Não
Meia Wagner Cruzeiro Não
Atacante Robinho Real Madrid (ESP) Sim
Atacante Daniel Carvalho CSKA Moscou (RUS) Não
Atacante Vagner Love CSKA Moscou (RUS) Não
Atacante Fred Lyon (FRA) Não
Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade