PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Abel Ferreira: 'Gramado deixou marcas nos jogadores'

Técnico diz que piso do Barradão estava duro e alto e isso dificultou atuação do Palmeiras neste domingo (14)

14 abr 2024 - 21h54
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Cesar Greco/Palmeiras/by Canon - Legenda: Palmeiras encontrou dificuldades com o gramado do Barradão neste domingo (14) / Jogada10

O técnico Abel Ferreira admitiu que a atuação do Palmeiras na vitória por 1 a 0 sobre o Vitória, no Barradão, neste domingo, foi "para o gasto". De acordo com o treinador, o estado do gramado não permitiu um futebol de melhor qualidade. Pelo contrário, fez com que os jogadores chegassem extenuados ao vestiário após a estreia no Brasileirão.

"O gramado deixou marcas nos jogadores. Muito duro, alto, prefiro o sitetico. Tanto quem entrou quanto que iniciou mal tinha força para tirar a roupa quando chegou ao vestiário. Parabéns aos jogadores pelo esforço em um campo dificil. Além disso, diante de um adversário que não perdia em sua casa há 23 jogos. Equipe organizada, que nos obrigou a ter que marcar baixo nos últimos minutos. Poderiamos ter resolvido com o segindo gol, mas não conseguimos. Mas prefiro dar parabéns aos jogadores pelo esforço", analisou.

Mas nem tudo foi reclamação na coletiva de Abel. O técnico elogiou o comportamento da torcida adversária e o ambiente do Barradão: "Quero parabenizar a torcida do Vitória que no início do jogo fez um espetáculo muito bonito. Particularmente gosto de estádio cheio como hj. Para ganharmos avisei aos jogadores que precisaríamos nos esforçar ao máximo e foi o que aconteceu. É muito difícil jogar aqui".

Abel entende erros no segundo tempo

Por fim, o treinador afirmou que não poderia exigir um jogo melhor por parte dos seus comandados. Para Abel, além das condições do campo, o time já começou a sentir os inevitáveis efeitos do calendário brasileiro.

"Já me cansei de falar sobre o calendário e não farei novamente. O que posso dizer da atuação é que jogamos há tres dias, fizemos viagens e já tem jogo daqui a dois dias. Por mais que eu exija perfeição, sei e entendo que vão falhar, não há como. Para os próximos jogos vamos fazer gestão de energia na tentativa de jogar sempre com a máxima força", explicou.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Publicidade