PUBLICIDADE
Logo do

Fluminense

Meu time

Fluminense busca recursos para não ser punido pela Fifa

Clube foi condenado a pagar uma dívida com o STK Samorin, da Eslováquia. Os clubes mantiveram uma parceria por anos.

17 set 2021 15h38
| atualizado às 15h52
ver comentários
Publicidade

O Fluminense tem conseguido manter sua folha salarial em dia nesta temporada. Mesmo assim, o clube segue com problemas nas finanças. 

Mário Bittencourt, do Fluminense, em entrevista no CT Carlos Castilho (Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC)
Mário Bittencourt, do Fluminense, em entrevista no CT Carlos Castilho (Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC)
Foto: LANCE!

Para piorar, o clube carioca pode ser punido pela Fifa. O Fluminense pode ser impedido de registrar reforços e perder pontos no Campeonato Brasileiro.

Isso porque o time foi condenado a pagar uma dívida com o STK Samorin, da Eslováquia. Os clubes mantiveram uma parceria por anos.

O presidente Mário Bittencourt falou sobre a situação. "O Samorin cobrava 1,6 milhão euros a nós, daquela parceria construída há duas gestões atrás. Nosso departamento jurídico entrou em ação, fez uma excelente defesa, mas mesmo assim, nós conseguimos reduzir o pedido do Samorin, mas fomos condenados na semana passada a pagar 536 mil euros pela FIFA, que é quase um mês de folha do nosso departamento de futebol. Temos 40 dias para pagar ou tentar um parcelamento, sob pena de ficarmos impedidos de realizar transferências de jogadores, sob pena de perdermos pontos como o Cruzeiro perdeu no Campeonato Brasileiro. Só de dívidas FIFA, que são dívidas de curto prazo, nós temos pra lá de R$ 40 milhões", disse.

Dentro de campo, o Fluminense encara o Cuiabá, nesta segunda-feira, na Arena Pantanal. Os tricolores miram a entrada no G-6 do Campeonato Brasileiro.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade