PUBLICIDADE
Logo do

Flamengo

Meu time

Departamento de futebol do Flamengo se preocupa em dar suporte psicológico a Andreas

Jogadores do Flamengo, como David Luiz e Diego, saíram publicamente para defender Andreas, que falhou no gol do Palmeiras, na final da Libertadores

28 nov 2021 16h51
| atualizado às 16h51
ver comentários
Publicidade

O departamento de futebol do Flamengo se preocupa em dar suporte psicológico a Andreas Pereira. O volante, vale lembrar, cometeu a falha que originou o gol da vitória do Palmeiras no último sábado, no Estádio Centenário, pela final da Libertadores. Assim, o clube não quer que o erro na decisão se torne um trauma. A informação foi dada primeiramente pelo site "ge".

Andreas Pereira chorou no banco de reservas do Flamengo (Foto: Reprodução/FOX Sports)
Andreas Pereira chorou no banco de reservas do Flamengo (Foto: Reprodução/FOX Sports)
Foto: Lance!

Algumas horas após a derrota, o próprio jogador foi até as redes sociais pedir desculpas à torcida do Flamengo pelo erro cometido no lance do gol de Deyverson. Com o "coração apertado", Andreas prometeu que reconquistará a Nação.

- Nação, estou aqui com coração apertado! Hoje eu errei! Não faltou vontade, raça… e nunca vai faltar! Momentos difíceis mostram o caráter do nosso grupo que nesses 3 meses me acolheu na família com tanto carinho! Peço desculpas pelo erro de hoje! Eu prometo, vou reconquistar vocês - disse.

Inclusive, jogadores do Flamengo saíram publicamente em defesa de Andreas Pereira. O zagueiro David Luiz, por exemplo, destacou que o time não perdeu a final por causa da falha do volante. Já o meia Diego afirmou que se a vitória é de todos, então a derrota também será.

- Futebol tem dessas coisas. É um menino de ouro, grande jogador. Estava fazendo um jogo, fez um jogo fantástico, em que, em um lance, tudo vai por água abaixo. Única coisa que eu falei para ele é que, por mais que as pessoas analisem somente esse lance, a gente não perdeu o jogo por causa disso. Nossa visão tem que ser mais profunda e ampla nessa análise, principalmente de um grande jogador como o Andreas. Fico triste por ele porque é um grande amigo, porque é um grande jogador, triste porque ele merecia mais, triste porque nós merecíamos mais - disse David Luiz.

- Com certeza, nós, jogadores, entramos em campo para acertar. Mas mesmo assim, por mais concertados que estivéssemos, estamos sujeitos a erros. O que nós passamos para ele, justamente, é que nós estamos juntos, independente de quem erra. Todos nós erramos. A vitória é nossa, a derrota também. Temos que dividir - garantiu Diego.

Lance!
Publicidade
Publicidade