PUBLICIDADE
Logo do Seleção Americana

Seleção Americana

Favoritar Time

Estados Unidos confirmam favoritismo e estreiam com vitória sobre o Vietnã na Copa do Mundo feminina

Atuais campeãs do mundo e líderes do ranking da Fifa, as americanas dominaram os 90 minutos,

22 jul 2023 - 00h17
(atualizado às 00h20)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Getty Images

Nesta sexta-feira, os Estados Unidos venceram o Vietnã por 3 a 0, no Eden Park, pela estreia na Copa do Mundo feminina. Atuais campeãs do mundo e líderes do ranking da Fifa, as americanas dominaram os 90 minutos, mas tiveram resultado muito abaixo do esperado em um confronto entre a maior potência do futebol feminino e uma seleção estreante no Mundial e 32º no ranking da Fifa.

Com a vitória, os Estados Unidos lideram o Grupo E, com três pontos, enquanto o Vietnã é o último colocado, sem pontos. As americanas voltam a campo na próxima quarta-feira, contra a Holanda, às 22h (de Brasília), no Sky Stadium. Na quinta-feira, o Vietnã enfrenta Portugal, às 4h30, no FMG Stadium Waikato.

Desde o apito inicial, as americanas mostraram que chegam como uma das favoritas ao título e uma das principais equipes no Mundial. Os Estados Unidos mantiveram a bola no campo de ataque e abriram o placar logo aos 13 minutos. Horan tocou para Alex Morgan na entrada da área, a meia tocou de primeira, de calcanhar, para deixar Sophia Smith na cara do gol. A jogadora chutou cruzado para abrir o placar.

Aos 53 minutos, as americanas ampliaram com outro gol de Sophia Smith. Após cruzamento na área, a goleira vietnamita saiu mal e a bola parou nos pés da meio-campista americana, que finalizou forte e furou a defesa adversária. Com o tento, as seleções foram para o intervalo com o placar de 2 a 0, mas que não refletiou o domínio das atuais campeãs.

No segundo tempo, a bola continuou nos pés da seleção dos Estados Unidos, que novamente criou muitas oportunidades, mas só balançou as redes aos 31 minutos. Sophia Smith lutou pela bola na linha de fundo e cruzou rasteiro na área. Horan dominou e chutou colocado para fazer o terceiro gol e confirmar a vitória americana, que só não foi mais elástica por conta da boa atuação da goleira Tran Thi Kim Thanh e das oportunidas perdidas pelos Estados Unidos.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Compartilhar
Publicidade
Publicidade