0

Cruzeiro decepciona, Coimbra vence a primeira e Adilson cai

15 mar 2020
14h54
atualizado às 19h03
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Cruzeiro e Coimbra jogaram com portões fechados no Independência (Foto: Divulgação/Gustavo Aleixo)
Cruzeiro e Coimbra jogaram com portões fechados no Independência (Foto: Divulgação/Gustavo Aleixo)
Foto: Gazeta Esportiva

O Cruzeiro voltou a decepcionar na tarde deste domingo e o técnico Adilson Batista acabou dispensado. No Estádio Independência, com os portões fechados por conta da pandemia de coronavírus, o time celeste perdeu por 1 a 0 do modesto Coimbra, time ameaçado pelo rebaixamento e que ainda não havia vencido no Campeonato Mineiro.

Com 14 pontos ganhos, três a menos que a Caldense, o Cruzeiro figura apenas no quinto lugar do torneio estadual, fora da zona de classificação às semifinais. Já o Coimbra, agora com sete pontos, sobe para 10º posto, saindo do grupo de rebaixados.

Por conta do coronavírus, a Federação Mineira de Futebol (FMF) decidiu suspender o campeonato estadual por tempo indeterminado. Pela 10ª rodada, ainda sem data definida, o Cruzeiro volta a campo para enfrentar a URT, no Estádio do Mineirão. Já o Coimbra pega o Tombense, no Independência.

A etapa inicial da partida disputada neste domingo foi de poucas emoções em Belo Horizonte. Na primeira boa chegada do Cruzeiro, o goleiro Glaycon saiu do gol para tentar afastar, mas não conseguiu e a bola sobrou para Maurício, que finalizou à esquerda do gol.

O Coimbra respondeu logo depois e também levou perigo à meta defendida por Fabio. Lucas Hipólito recebeu passe dentro da grande área, encontrou espaço na marcação e bateu cruzado. Na última chance do primeiro tempo, a bola passou perto, à esquerda do gol cruzeirense.

Titular nas quatro partidas desde que chegou ao Cruzeiro, o centroavante Marcelo Moreno começou o duelo contra o Coimbra no banco de reservas. Aos 19 minutos do segundo tempo, o técnico Adilson Batista promoveu a entrada do boliviano no lugar de Thiago.

O único gol da partida disputada no Independência saiu aos 39 minutos da etapa complementar. Em cobrança de falta pelo lado esquerdo, o lateral Vitor Hugo bateu direto, a bola desviou em Everton Felipe, que estava na barreira, e traiu o experiente goleiro Fabio.

FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO 0 x 1 COIMBRA

Local: Arena Independência, Belo Horizonte (MG)

Data: 15 de março de 2020, domingo

Horário: 16h00 (de Brasília)

Árbitro: Wanderson Alves de Souza

Assistentes: Augusto Magno de Ramos e Rodney Faria Lima

Cartões amarelos: Ariel Cabral, Maurício, Thiago, Jadsom Silva (CRU); Diogo Henrique, Carciano e Lucas Pinheiro (COI)

Gol: Vitor Hugo, aos 39 minutos do 2º Tempo

CRUZEIRO: Fábio; Jadsom Silva, Ramon, Marllon e Rafael Santos; Ariel Cabral, Jean (Judivan), Maurício e Everton Felipe; Thiago (Marcelo Moreno) e Alexandre Jesus (Jhonata Robert)

Técnico: Adilson Batista

COIMBRA: Glaycon; Vitor Hugo (Formiga), Diogo, Carciano e Lucas Hipólito; Lucas Pinheiro, Ralph, Thomás e Daniel; Igor (João Vitor) e Ribeiro (Bádio)

Técnico: Diogo Giacomini

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade