PUBLICIDADE
Logo do Cruzeiro

Cruzeiro

Favoritar Time

As idas e vindas do futebol: agora no Cruzeiro, Cássio repete Fábio, do Fluminense

Goleiro passou 12 anos no Corinthians, assim como Fábio teve grande passagem pelo Cruzeiro e hoje joga pelo Fluminense

22 mai 2024 - 06h06
(atualizado às 06h06)
Compartilhar
Exibir comentários
Cássio chegou ao Cruzeiro nesta terça-feira
Cássio chegou ao Cruzeiro nesta terça-feira
Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro / Esporte News Mundo

Ídolo do Corinthians, goleiro Cássio chega a Belo Horizonte para tentar escrever uma nova história, dessa vez, no Cruzeiro.

O torcedor cruzeirense talvez esteja vivendo seu momento de maior empolgação em 2024. Afinal, nesta terça-feira (21), o clube anunciou uma contratação de peso, a primeira da nova gestão comandada por Pedro Lourenço. Cássio, ídolo corinthiano, agora veste o azul estrelado.

Se hoje o sentimento do cruzeirense é um misto de euforia e esperança, em um passado não muito distante esse mesmo torcedor amargurava o que o corinthiano sente neste exato momento: a partida de um dos maiores (se não o maior) ídolos de sua história rumo a uma nova casa. No dia 5 de janeiro de 2022, era anunciado de maneira surpreendente o fim do vínculo de Fábio com o Cruzeiro, por opção de Ronaldo - proprietário da SAF na época - e sua equipe. A decisão teve como desfecho a transferência do goleiro para o Fluminense.

Para suprir a ausência de Fábio, a gestão de Ronaldo apostou em Rafael Cabral, goleiro campeão da Libertadores pelo Santos, em 2011. Durante sua trajetória, foi essencial e teve momentos decisivos, tanto na série B quanto no retorno à primeira divisão, se tornando um dos líderes do elenco. Entretanto, entrou em um momento de instabilidade este ano (2024), falhando em lances defensáveis, principalmente em clássicos contra o Atlético-MG. A "gota d'água" veio no empate por 3 a 3 contra o Alianza (Chile), pela Copa Sul-Americana, após falhar bizarramente em um dos gols da equipe chilena. Pouco tempo depois, veio a notícia da transferência do goleiro para o Grêmio.

A saída de Cabral deu a titularidade do gol da Raposa ao goleiro Anderson, que já atuou 8 vezes este ano. O arqueiro deve ficar como dono da posição até o início de julho, período em que Cássio poderá estrear pelo Cruzeiro, após a janela de transferências ter se encerrado.

A contratação de um dos maiores nomes da história do Corinthians certamente representa mais do que um simples reforço. Cássio é um goleiro grandioso, multicampeão e com potencial para voltar a atuar em alto nível, a exemplo do próprio Fábio, quando foi para o clube carioca. Além disso, é também uma demonstração de que, depois de um período conturbado, no qual foi necessário se abrir mão de muitas coisas, o Cruzeiro finalmente dá indícios de que está voltando. Um goleiro de tamanha magnitude é prova disso. A ver as próximas movimentações.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade