1 evento ao vivo

Após "roleta" emocional, Boselli deve ganhar chance contra a Chape

17 abr 2019
07h51
atualizado às 07h51
  • separator
  • comentários

O atacante Mauro Boselli viveu dias intensos nas últimas semanas dentro e fora de campo, com perdas familiares, pênalti perdido e classificações no sufoco do Corinthians, mas pode começar a acalmar sua vida na noite desta quarta-feira, contra a Chapecoense, às 21h30 (de Brasília), na Arena Condá, pela partida de ida da quarta fase da Copa do Brasil.

O argentino começou o drama pessoal na sexta-feira da semana passada, quando recebeu a notícia do falecimento do seu sogro. Liberado para ir a Buenos Aires, acompanhou o enterro e retornou de manhã para o trabalho da tarde do domingo, antes do segundo jogo da semifinal do Campeonato Paulista.

Concentrado com o elenco na sequência da atividade, Boselli mal passou em casa e foi para o duelo do Pacaembu como opção no banco de reservas. Acionado no final do segundo tempo, poderia ter virado vilão ao perder o primeiro pênalti da disputa decisiva, mas viu dois erros de santistas provocarem uma reviravolta e assegurarem o Timão na decisão do torneio.

"Salvo" de uma possível condenação da torcida, Boselli foi suplente também no domingo, no Morumbi, sem ser acionado, e agora vive a expectativa de entrar em campo contra a Chape. Preocupado com possíveis lesões musculares, o técnico Fábio Carille deve dar rodagem a alguns nomes do elenco visando ao segundo jogo da decisão, no domingo, em Itaquera.

Sem gols há três jogos, o Timão tenta findar esse jejum em Santa Catarina antes de decidir o título estadual. Carille não deu pistas da escalação, mas é possível que Boselli integre um trio de ataque com Vagner Love e Pedrinho, como ocorreu em outras ocasiões na temporada.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade