PUBLICIDADE

Quem foi Jerry West: lenda foi responsável por draftar Kobe Bryant e inspiração para o logo da NBA

Ex-atleta faleceu nesta quarta-feira aos 86 anos, nos Estados Unidos

12 jun 2024 - 13h16
(atualizado em 13/6/2024 às 21h57)
Compartilhar
Exibir comentários

Membro do Hall da Fama do Basquete desde 1980 e lenda do Los Angeles Lakers, Jerry West, que morreu aos 86 anos nesta quarta-feira, teve uma das maiores carreiras da modalidade. Como jogador, ainda é o único da história a ter sido elegido o Most Valuable Player (MVP) das finais de uma temporada que não venceu e tornou-se o logo da NBA. Como dirigente, foi quem levou aos Lakers o seu maior cestinha, Kobe Bryant.

Nascido em 1938, na Virgínia Ocidental, Jerome Alan West iniciou sua carreira no esporte jogando pela Universidade de West Virginia, onde permaneceu até 1960. Foi nessa mesma época que defendeu a seleção dos Estados Unidos nos Jogos Pan-Americanos de Chicago e nos Jogos Olímpicos de Roma e ajudou a liderar a equipe ao ouro nas duas ocasiões.

No Draft da NBA de 1960, foi selecionado como segunda escolha. Foi no Los Angeles Lakers, franquia que o draftou, que permaneceu em todas as temporadas em que atuou como jogador, 14 no total. Apesar de ter sido campeão da liga americana apenas uma vez, na temporada de 1972 — em que foi MVP —, West conseguiu ser destaque em todos os anos.

Foram 12 vezes presente no All-NBA, que elege os melhores jogadores da temporada. Ainda mais vezes esteve no All-Star Game, partida que reúne os melhores atletas da liga: conseguiu a honraria em 14 chances, em todos os seus anos como armador e ala-armador. Em 1972, ano de seu título, foi eleito MVP do All-Star Game.

Jerry West está marcado na história do basquete também por ser o único jogador a ser eleito MVP das finais de uma temporada em que não saiu como vencedor. Em 1969, os Lakers perderam para os Celtics por 4 a 3. Ainda assim, o jogador da franquia de Los Angeles foi nomeado como o melhor em quadra daquela série. No mesmo ano, Alan Siegel usou a imagem de West para montar o famoso logo da NBA, usado até hoje.

Em 1974, o "Mr. Clutch", apelido que recebeu por suas atuações decisivas, deixou as quadras. Atuou por três anos como técnico dos Lakers até tornar-se General Manager. Nesta posição, em 1996, insistiu no draft de Kobe Bryant, que se tornaria o maior cestinha da franquia — o único a superar o próprio West, que continua como segundo maior pontuador. Ainda naquele ano, levou Shaquille O'Neal para Los Angeles.

West seguiu como dirigente em outras equipes. Nos Memphis Grizzlies, onde assumiu como General Manager em 2002, não conquistou títulos, mas foi eleito o Executivo do Ano da NBA em 2004 — premiação que já havia conquistado anos antes, em 1995. Ele ainda seguiu como conselheiro do Golden State Warriors e do Los Angeles Clippers, onde esteve até sua morte.

Como executivo, Jerry West acumulou oito títulos de NBA: seis com o Los Angeles Lakers e dois com o Golden State Warriors. Em 2021, sua trajetória o levou a ser escolhido para fazer parte de uma lista dos 75 melhores jogadores da NBA, em homenagem aos 75 anos da liga americana de basquete.

O anúncio da morte de Jerry West foi confirmado pelos Los Angeles Clippers nesta quarta-feira. "Jerry West, a personificação da excelência do basquete e amigo de todos que o conheceram, faleceu pacificamente esta manhã. Sua esposa, Karen, estava ao seu lado", informou comunicado. Não se sabe a causa do falecimento.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade