2 eventos ao vivo

Alonso acredita que tecnologia da F1 irá ajudá-lo na Indy

15 mai 2017
11h40
atualizado às 11h40
  • separator
  • comentários

Prestes a correr nas 500 milhas de Indianápolis neste mês, o espanhol Fernando Alonso reconhece que fica em desvantagem na prova diante de concorrentes acostumados com a Fórmula Indy. O triunfo do piloto, portanto, deverá ser a experiência na Fórmula 1, e toda a modernidade que a categoria mais nobre do automobilismo pode trazer para ajudar.

"Eu tenho uma porcentagem menor de chances de vencer do que alguns dos meus oponentes. Não tenho a experiência em corrida oval, nem da disputa no tráfico, técnicas na última volta ou pequenos truques. Mas, ao mesmo tempo, o nível de sofisticação que temos na Fórmula 1 é maior do que na Indy", comentou Alonso.

Projetando usar o conhecimento de sua equipe, a McLaren, para que os ajustes necessários possam ser feitos em seu carro para a prova em Indianápolis, o espanhol vê as inovações tecnológicas como um fator que irá aumentar suas chances de vitória.

"Junto com a McLaren, nós vamos até lá com um grupo de engenheiros ajudar a equipe Andretti, e talvez com essa abordagem diferente, mais científica, eu tenha algo a mais. Tenho uma porcentagem baixa em chances de vitória, mas a verdade é que é uma corrida que qualquer um pode vencer. Há o fator da sorte, bandeiras amarelas, safety car. Mas se eu puder melhorar as chances em 1%, vale a pena tentar", acrescentou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade