1 evento ao vivo

Atlético-MG vencer o Tombense e leva o Campeonato Mineiro

O Atlético-MG voltou a vencer o Tombense neste domingo, no Mineirão, e conquistou título do Campeonato Mineiro de 2020

30 ago 2020
18h13
atualizado às 18h19
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Atlético-MG voltou a vencer o Tombense neste domingo, no Mineirão, e conquistou título do Campeonato Mineiro de 2020. Superior do começo ao fim, o Galo, que precisava apenas de um empate depois do triunfo no primeiro jogo da final, garantiu o troféu com uma vitória por 1 a 0, com gol marcado pelo volante Jair.

Jair do Atlético MG comemora gol durante a partida entre Atlético MG e Tomboense, pela final do Campeonato Mineiro, no estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG), neste domingo (30)
Jair do Atlético MG comemora gol durante a partida entre Atlético MG e Tomboense, pela final do Campeonato Mineiro, no estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG), neste domingo (30)
Foto: Viviane Moreira / Futura Press

Com o resultado, o clube alvinegro chegou ao 45º título do Campeonato Mineiro em sua história, igualando o Internacional como o maior vencedor de estaduais entre os times das regiões Sul e Sudeste do Brasil.

Agora, o time de Jorge Sampaoli volta a campo na próxima quinta-feira (3), às 20h (de Brasília), quando encara o São Paulo, novamente no Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro. O Gavião-Carcará, por sua vez, joga no domingo (6), às 15h30, contra o Ypiranga-RS, no Estádio Colosso da Lagoa, pela Série C do Brasileirão

O jogo

Mesmo com a vantagem da vitória no primeiro jogo, o Atlético-MG começou a partida decisiva em cima do Tombense. O Galo quase abriu o placar aos 10 minutos, quando Allan Franco foi lançado na área, dominou no peito e tocou para Keno, que mandou de primeira por cima do travessão.

Superior, a equipe alvinegra ainda criou mais algumas boas chances, como em cabeceio de Eduardo Sasha defendido por Felipe Garcia aos 20 minutos. Aos 40, Savarino balançou as redes, mas o lance foi anulado pela arbitragem. O atacante ficou com a sobra após bate-rebate e chutou para o fundo do gol, mas o bandeirinha assinalou o impedimento.

Aos 48 minutos, o time de Jorge Sampaoli enfim tirou o zero do marcador. Guilherme Arana fez a cobrança de escanteio pela direita e achou Jair, que subiu na primeira trave e cabeceou no canto direito do goleiro adversário, colocando os visitantes na frente antes do intervalo.

Na segunda etapa, Eugênio Souza tentou mudar a postura do Tombense ao colocar Gabriel Lima e Maycon Douglas nos lugares de Serginho e Cássio Ortega, respectivamente. No entanto, o Gavião-Carcará não conseguiu agredir o Atlético como esperava o treinador.

A partir dos 30 minutos, o Galo passou a exercer uma verdadeira blitz em busca do segundo tento. Aos 33, a bola sobrou na cara do gol para Marquinhos, que substituiu Keno, após jogada de Hyoran. O atacante tentou tirar de Felipe Garcia, mas o arqueiro conseguiu fazer a defesa.

Três minutos depois, Hyoran cobrou falta na barreira, Júnior Alonso pegou o rebote e encheu o pé esquerdo. A bola foi baixa e no canto esquerdo, exigindo mais uma grande intervenção do goleiro da equipe de Tombos.

No final do jogo, Allan foi expulso de campo após reclamar de falta marcada, empurrar o árbitro e falar palavrões. Contudo, não foi o suficiente para gerar uma reação do Carcará. O Atlético manteve o 1 a 0 no placar e garantiu o título estadual.

FICHA TÉCNICA:

TOMBENSE 0 X 1 ATLÉTICO-MG

Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Data: 30 de agosto de 2020, domingo
Horário: 16h00 (de Brasília)
Árbitro: Ronei Candido Alves (MG)
Assistentes: Marcus Vinicius Gomes (MG) e Felipe Alan Costa de Oliveira(MG)
Árbitro de vídeo: Wanderson Alves de Souza (MG)
Cartões amarelos: Serginho, Marquinhos, Gabriel Lima, Rodrigo (Tombense); Allan, Guilherme Arana (Atlético-MG)
Cartão vermelho: Allan (Atlético-MG)
Gol: Jair, aos 48 minutos do primeiro tempo (Atlético-MG)
TOMBENSE: Felipe Garcia; David, Admilton, Matheus Lopes (Ramon) e João Paulo; Rodrigo, Serginho (Gabriel Lima), Ibson (Jhemerson) e Marquinhos (Gerson Júnior); Cássio Ortega (Maycon Douglas) e Rubens.
Técnico: Eugênio Souza
ATLÉTICO-MG: Rafael; Mariano, Réver, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Alan Franco e Jair; Savarino (Hyoran), Keno (Marquinhos) e Eduardo Sasha (Marrony).
Técnico: Jorge Sampaoli

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade