PUBLICIDADE

Vendas de moradias usadas nos EUA têm salto recorde em junho

22 jul 2020 11h18
| atualizado às 12h24
ver comentários
Publicidade

As vendas de moradias nos Estados Unidos aumentaram a ritmo recorde em junho, impulsionadas por taxas de hipoteca historicamente baixas, mas as perspectivas para o mercado imobiliário estão sendo prejudicadas por estoques baixos e alto desemprego em meio à pandemia de Covid-19.

Casa à venda em Garden City, Nova York (EUA) 
23/05/2016
REUTERS/Shannon Stapleton
Casa à venda em Garden City, Nova York (EUA) 23/05/2016 REUTERS/Shannon Stapleton
Foto: Reuters

A Associação Nacional de Corretores de Imóveis disse nesta quarta-feira que as vendas de moradias usadas saltaram 20,7%, a taxa anual ajustada sazonalmente de 4,72 milhões de unidades no mês passado. Esse foi o maior ganho desde 1968, quando a Associação começou a acompanhar a série.

Os dados de maio não foram revisados, e registraram taxa de 3,91 milhões de unidades, seu nível mais baixo desde outubro de 2010.

O salto de junho encerrou três meses seguidos de queda, embora as revendas de moradias tenham permanecido abaixo do nível pré-pandêmico. Economistas consultados pela Reuters previam que as vendas se recuperariam em 24,5%, para uma taxa de 4,78 milhões de unidades em junho.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade